publicidade

Blog do Milton Neves

Rodrigo Caio, “menos são-paulino”, detona Diego Aguirre

Milton Neves

Foto: Rubens Chiri/São Paulo FC

Menos torcedor do São Paulo.

Este é o atual sentimento de Rodrigo Caio sobre seu clube de coração, por onde atua desde a infância.

O zagueiro tricolor revelou mágoa com o uruguaio Diego Aguirre, ex-treinador da equipe do Morumbi, durante o programa “No Ar com André Henning”, do canal “Esporte Interativo”.

Rodrigo Caio sonhava em disputar a Copa do Mundo da Rússia, mas uma contusão frustrou seus planos, e a postura de Diego Aguirre provocou insatisfação por parte do atleta.

“O cara (Diego Aguirre) não vinha falar comigo. Nos três meses que fiquei na fisioterapia, nunca foi lá perguntar como eu estava”, disse Rodrigo Caio, que também queixou-se sobre ser colocado como lateral-direito.

“Quedas de braço” entre jogadores e treinadores são comuns no futebol.

No caso de Rodrigo Caio, Aguirre nem está mais lá, mas parece que a ferida não será cicatrizada tão facilmente…

Além de bom jogador, ele também é ótimo caráter, prova disso foi o “fair play” no ano passado, quando assumiu a culpa que recairia sobre Jô, que tiraria o corintiano da próxima partida por cartão amarelo.

Aqui, cabe a pergunta para o torcedor do São Paulo e de outros clubes:

Rodrigo Caio deve permanecer no São Paulo depois desta, digamos, desilusão?

É momento de colocar uma “pedra sobre o assunto” ou buscar novos ares?

OPINE!