publicidade

Blog do Milton Neves

O São Paulo não mudaria da água para o vinho?

Foto: UOL

São Paulo 1 x 1 Grêmio.

Depois de uma das trocas de treinador mais estapafúrdias dos últimos tempos, o São Paulo empatou em casa com o Grêmio, que abriu o placar aos 12 minutos do segundo tempo, com Everton Cebolinha.

Aí, será que ele gritou: Gol do “Glêmio”?

Mas o São Paulo conseguiu empatar com a ajuda do adversário, pois foi Michel, contra, quem fez aquilo que o time paulista não estava conseguindo, aos 29 minutos.

E fica a pergunta…

Pelo discurso de Raí, parecia que o São Paulo mudaria da água para o vinho com a substituição de treinador, na reta final do campeonato…

André Jardine assumiu a vaga deixada por Diego Aguirre, demitido, o uruguaio que fez a torcida tricolor sonhar com o título brasileiro por algumas semanas neste ano.

Aguirre, se não é um Felipão, Tite, Renato Gaúcho ou Carille, pelo menos devolveu a esperança para os lados do Morumbi.

Com o resultado, se o campeonato terminasse hoje, o Grêmio estaria no G-4 e o São Paulo teria de disputar a chamada pré-Libertadores, restando quatro rodadas para o fim do Brasileirão.

Para quem já foi “bicho papão” do torneio aqui da América do Sul, é uma tremenda gelada ter duas partidas para poder entrar “pra valer” nesta competição.

E, nesta desacelerada do Tricolor paulista, me arrisco a dizer que este quadro beira o irreversível.

No próximo domingo, ambos jogam em casa, mas a tarefa gremista é bem mais fácil, contra a Chapecoense, enquanto o São Paulo pega o Cruzeiro.

O Grêmio terminará à frente do São Paulo, que não conseguirá ficar no G-4.

E aí, torcedor são-paulino?

E aí, torcedor gremista?

NO BEIRA-RIO

Foto: UOL

Internacional 2 x 0 América-MG.

Fechando a rodada, deu a lógica em Porto Alegre.

Afinados, Leandro Damião e Edenílson foram os protagonistas dos tentos colorados.

No primeiro, Damião recebeu de Edenílson e abriu o placar. O segundo gol, de Edenílson, foi feito com passe de Damião, ambos no 1º tempo.

O Inter tem cinco pontos a menos que o Palmeiras e ainda sonha.

Claro, matematicamente ainda dá, mas será difícil o Verdão patinar.

De qualquer forma, realmente o Inter está fazendo um campeonato e tanto, sobretudo se lembrarmos que em 2017 o time disputou a Série B.

E o técnico Odair Hellmann já está no primeiro escalão.

MAIS CEDO…

Foto: UOL

Flamengo 1 x 0 Santos.

No Maracanã, com gol de Henrique Dourado, vitória rubro-negra, que dá esperança, remota é verdade, pois matematicamente ainda é possível chegar ao título, distante sete pontos do líder Palmeiras.

O Peixe, por sua vez, está em nono e ficando para trás por uma vaga na pré-Libertadores.

Mas poderia ter trazido um pontinho do Rio, se Gabigol não tivesse perdido um pênalti no final.

Chapecoense 0 x 1 Botafogo.

E o Fogão ajudou os “desesperados”, ganhando da Chapecoense, que permanece com 37 pontos, em 17º.

O gol dos cariocas foi de Luiz Fernando, aos 27 minutos do 2º tempo.

OPINE!

Compartilhe:

Palmeiras e Corinthians estariam onde estão sem Felipão e Jair Ventura?

Fotos: Cesar Greco/SE Palmeiras e Marcelo Alvarenga/AGIF/via UOL

Verdão e Timão estão em situações bem distintas neste Brasileirão.

É verdade que o principal objetivo alviverde não foi atingido, a Libertadores, mas o caneco do título nacional está no papo, questão de tempo, pouco tempo, diga-se.

Mas o novo casamento entre Palmeiras e Luiz Felipe Scolari deu muito certo.

Há pouco menos de quatro meses no cargo (assumiu em 26 de julho), ele aparou arestas e, convenhamos, ser eliminado na Libertadores para o Boca não é como deixar a competição para um Tolima, por exemplo…

O bom Roger Machado não conseguiu extrair todo o potencial do forte elenco esmeraldino.

Já, no Timão…

Depois da saída de Fábio Carille, tudo mudou pelos lados do Parque São Jorge…

Osmar Loss chegou para seu seu “clone”, mas nem de longe repetiu o sucesso do atual treinador do Al-Wehda, da Arábia Saudita.

É verdade que tiraram muitos “ovos” do elenco corintiano e, sem ovos, como dizia o saudoso Otto Glória, não se faz omelete…

Campeão Brasileiro de 2017, o Timão perdeu nos últimos meses, entre outros, Rodriguinho, Jô, Arana, Balbuena e Maycon.

Mas, ainda assim, é fato que Jair Ventura não conseguiu dar ao time a consistência necessária para uma posição mais honrosa no campeonato e distante do fantasma do rebaixamento, pois hoje está somente três pontos acima do primeiro a cair…

Assim, vale a pergunta:

O forte Palmeiras poderia estar prestes a ser campeão brasileiro mesmo se Felipão não fosse o treinador, ou ele é o grande responsável por este iminente triunfo?

O limitado Corinthians poderia estar mais tranquilo, sem ameaça de rebaixamento, se ao invés de Jair Ventura um outro treinador estivesse orientando o time alvinegro?

OPINE!

Compartilhe:

Timão com um pé e meio na Série B e Verdão com as duas mãos na taça!

Foto: Marcelo Alvarenga/AGIF (via UOL)

Cruzeiro 1 x 0 Corinthians

O Corinthians fez um primeiro tempo pífio diante do praticamente time reserva do Cruzeiro, que abriu o placar com o David, aos 13 minutos de bola rolando.

Aí, para complicar ainda mais a vida do Timão, Douglas, em dois lances já nos acréscimos da etapa inicial, foi expulso de forma para lá de infantil.

Mesmo assim, o Alvinegro voltou do intervalo melhor, chegou a ameaçar o gol defendido por Fábio, mas com um a menos a tarefa fica complicada, não é mesmo?

Não deu tempo para igualar o marcador e a água já está quase no pescoço.

Gente, mas falando sério agora, estou muito, mas MUITO preocupado com o meu Timão.

Os últimos jogos são complicadíssimos e não é exagero dizer que essa derrota fez com que a equipe comandada por Jair Ventura colocasse um pé e meio na Série B-2019.

Concordam?

Palmeiras 3 x 0 Fluminense

Enquanto isso, o maior rival corintiano nada de braçada!

O Palmeiras, que já estava com as duas mãos na taça, depois da tranquila vitória diante do Fluminense já está levando a mesma para a nobre sala de troféus alviverdes.

Afinal, não adiante nada o Inter vencer nas próximas rodadas.

O Palestra não perde!

E o que dizer do gol de Felipe Melo, hein?

Agora, além de garantir tudo na defesa, ele quer decidir também no ataque?

Sensacional!

E imagine só que gostinho especial teria para o palmeirense comemorar o título do Brasileirão 2018 com o Corinthians rebaixado!

Sport 0 x 0 Vitória

Tudo igual no duelo de rubro-negros desesperados.

Pior para o Vitória, que segue no Z-4.

Mas o Sport também está muito perto!

Bahia 2 x 1 Ceará

Quem está tranquilo é o Bahia, que venceu o Ceará na Fonte Nova.

O Tricolor de Aço praticamente não corre mais riscos, mas a situação ficou complicada para o Vozão.

Será que Lisca conseguirá dar mais uma chacoalhada na turma por lá?

Paraná 0 x 1 Atlético-MG

Fora de casa, o Atlético-MG não fez mais do que a sua obrigação ao vencer o já rebaixado Paraná.

E o pior é que jogou mal demais!

Alô, Levir, não tem nenhuma vaga garantida ainda, viu?

Vasco 1 x 1 Atlético-PR

Ah, e o Vasco…

O Cruzmaltino vencia o Atlético-PR até o último lance da partida.

Que pecado!

Será que o Gigante da Colina será rebaixado pela “134ª vez”?

Opine!

Compartilhe:

Bolão do Miltão: Timão perde e abraça o fantasma do rebaixamento…

Bolao-GIF-600

CAMPEONATO BRASILEIRO – 34ª RODADA

Vasco 1 x 2 Atlético-PR. O Furacão segue varrendo seus adversários neste 2º turno.

Paraná 0 x 2 Atlético-MG. Bom, é para ganhar, não é Galo?

Bahia 1 x 1 Ceará. Empate ruim para o Bahia e péssimo para o Vozão…

Cruzeiro 2 x 1 Corinthians. Ah, Timão… Eu acho que você não cai, mas é bom abrir os olhos, certo? Falando no confronto, um dos maiores goleiros do mundo jogou na Raposa e no Timão. Também foi ídolo na Europa. Clique aqui e veja sua página na seção “Que Fim Levou?”.

Sport 1 x 0 Vitória. Duelo de desesperados, melhor para os pernambucanos.

Palmeiras 0 x 1 Fluminense. O Verdão resolve dar um pouco de emoção nesta reta final.

Chapecoense 1 x 0 Botafogo. A Chape começou a se recuperar para escapar do rebaixamento.

Flamengo 2 x 1 Santos. Agora, Mengo?

São Paulo 0 x 1 Grêmio. O Tricolor paulista perdeu seu norte…

Internacional 2 x 0 América-MG. O Colorado ainda respira…

COLOQUE SEU E-MAIL NA MENSAGEM PARA CONTATO, OK? SOMENTE SERÃO VÁLIDOS PALPITES COM O E-MAIL, POIS DO CONTRÁRIO NÃO TEREMOS COMO NOS COMUNICAR COM O VENCEDOR.

Os palpites postados serão válidos até às 19h30 (horário de Brasília) desta quarta-feira (14/11/2018)

ATENÇÃO: Apenas um prognóstico (com os respectivos placares completos) por participante, um único IP, ok? Aqueles que enviarem mais de um prognóstico não serão considerados. Os palpites que não tiverem e-mail para contato também não serão considerados. Favor escrever os nomes dos times da mesma forma que no post. Do contrário, não poderão ser validados. Portanto, não valerão palpites com abreviaturas, apelidos e sem acentos. Também só serão considerados palpites em uma única mensagem, ou seja, não valem palpites em duas mensagens (uma com alguns jogos e outra com outros). Vencerá aquele (a) que acertar mais jogos, mas em caso de empate, o ganhador será definido por sorteio.

E o felizardo (ou felizarda) vai receber em casa um par de calçado Rafarillo de acordo com a disponibilidade que o fabricante tem em estoque, não necessariamente igual aos exemplificados abaixo.

CLIQUE AQUI E ACESSE O SITE DA RAFARILLO

O Silas Lima, de Mesquita-RJ, venceu o Bolão na 31ª rodada do Campeonato Brasileiro e nos mandou a seguinte mensagem, com a foto acima: “Ontem recebi meu sapato Rafarillo (muito lindo, por sinal) em minha casa. Ficamos muito felizes com o brinde. Minha filha vai casar em janeiro/2019 e vou usá-lo nesta data super especial. Muito obrigado, meu e da minha família pela atenção,  respeito e honestidade do processo do bolão Milton Neves!! Abraços, Silas Lima.”

Milton Rafarillo red

Compartilhe:

O Corinthians é o 13º! E o 13º está para…

A surpreendente vitória da Chapecoense na noite da última segunda-feira não prejudicou apenas o Santos na luta por uma vaga para a Libertadores-2019.

A derrota do Peixe no Pacaembu também deixou o coirmão Corinthians em maus lençóis.

Afinal, o Timão, neste momento, tem apenas três pontos à frente do Z-4.

Uma vantagem perigosíssima, já que ainda restam cinco rodadas para o término do campeonato.

E, nas redes sociais, claro, os rivais já começaram com as provocações.

Uma delas constata: na classificação, o Timão é o 13º, e o 13º está para… CAIR!

Mas fiquem tranquilos, meus companheiros corintianos.

O Timão não vai cair!

E eu dificilmente erro um palpite!

Opine!

Compartilhe:

O Santos não merece ir para a Libertadores!

Foto: Marcello Zambrana/AGIF (via UOL)

Santos 0 x 1 Chapecoense

Ah, Peixe, que “pipocada” foi essa, hein?

A Chape, claro, é e sempre foi muito valente.

Mas quem quer uma vaga na Libertadores não pode perder em casa para um time do Z-4.

Não é verdade?

Mas, honestamente, não apenas pelo tropeço desta noite que o Peixe merece ficar de fora do torneio mais importante da América do Sul.

A temporada lá pelas bandas da Vila Belmiro foi muito turbulenta, e é melhor acertar as coisas antes de voltar a disputar a Liberta, com chances de ganhar, é claro.

Já a Chapecoense deu um passo importante na luta contra o rebaixamento.

Será que o time catarinense conseguirá nas próximas rodadas empurrar o Timão para o Z-4?

Opine!

Compartilhe:

Aguirre caiu. Volte, Rogério Ceni!

Fotos: Leonardo Benassatto/Reuters/via UOL (Diego Aguirre) e Douglas Oliveira – Ascom Gama/via UOL (Rogério Ceni)

Acabou a lua de mel entre São Paulo e Diego Aguirre.

Depois do empate com o Corinthians,  a diretoria resolveu colocar um ponto final na passagem do uruguaio pelo Morumbi.

Também, pudera…

Com um jogador a mais durante todo o 2º tempo, seu time levou um gol do Corinthians (e outro não marcado) e só conseguiu empatar.

É verdade que ele recolocou o Tricolor em bom lugar, fazendo o são-paulino até sonhar em ser campeão.

Para quem iniciou o ano almejando não cair para a Série B, foi bom demais, até…

Mas o time foi perdendo o gás, caiu muito e pelo andar da carruagem precisará passar pela pré-Libertadores, pois o Grêmio encostou.

Por enquanto, André Jardine assume o comando da equipe, até o final do Brasileirão.

Mas, depois do ótimo trabalho de Rogério Ceni em seu “estágio” no Fortaleza, porque não trazê-lo de volta, agora mais maduro e com a faixa de campeão da Série B no peito?

Se depender somente do presidente Leco, não será fácil…

Mas, quem sabe Raí, que parece ser aquele que “dá as cartas”, não possa aparar as arestas…

Outros nomes?

Abel Braga estará disponível em 2019.

E Luxemburgo, que sonhou “a vida inteira” em treinar o Tricolor, será que nunca comandará o time do Morumbi?

OPINE!

Compartilhe:

Sem adversários, Verdão se dá ao luxo de faturar só um pontinho… 

Foto: UOL

Atlético-MG 1 x 1 Palmeiras.

No Independência, tudo igual.

O Palmeiras, claro, já é o campeão, por isso pode se dar ao luxo de patinar.

Diante de um desesperado Galo, que não vence desde o final de setembro (!), era de se esperar mais do time do setentão Felipão.

Com a derrota do Flamengo (ontem) e o empate do Inter (hoje), seria uma chance de ouro para o Palmeiras se aproximar ainda mais do óbvio título do Brasileirão…

O gol do Galo saiu aos 19 minutos do 2º tempo, golaço aliás, de Elias (aquele, ex-Corinthians e Flamengo).

O Verdão empatou de pênalti. Edu Dracena foi derrubado por Adilson, e nem ele ou seus companheiros reclamaram.

Bruno Henrique bateu em um canto (o esquerdo) e Vitor pulou no outro… Empate em Belo Horizonte.

O empate mantém a distância para o vice-líder em cinco pontos, margem boa restando cinco rodadas.

Mas, claro, para um time que poderia ter vencido “tudo” em 2018, e até agora não ganhou nada, é bom sempre ter cautela.

O Galo precisava se recuperar, foi bem melhor no comparativo aos jogos anteriores, mas não resistiu ao melhor do campeonato, que foi buscar o empate.

Ceará 1 x 1 Internacional.

O Colorado perdeu a chance de tirar dois pontos para o Palmeiras…

Poderia dar um pouco de emoção ao campeonato. Esqueçam…

O Inter marcou aos 15 minutos do 1º tempo, com Leandro Damião, gol típico de centroavante, aproveitando o rebote do goleiro Éverson.

O Ceará, com o apoio de sua torcida, chegou à igualdade aos 41 da etapa inicial, com Ricardinho.

Grêmio 2 x 1 Vasco.

O jogo começou movimentado em Porto Alegre, e com o Cruzmaltino na frente, Thiago Galhardo abriu o placar aos 12 minutos.

Mas o Imortal foi em busca do empate e conseguiu deixar tudo igual aos 20, com Jael e virou com Matheus Henrique, nos acréscimos, um “frangaço” de Martin Silva…

Vitória 2 x 2 Bahia.

Logo aos 8 minutos de bola rolando, Léo Ceará colocou o Vitória à frente do placar, o que durou até os 38 da mesma etapa, quando Nilton deixou tudo igual.

Na etapa complementar, aos 22 minutos, novamente Léo Ceará marcou para o time rubro-negro, ms logo em seguida Ramires empatou novamente…

COPA LIBERTADORES

Foto: Juan Ignacio Roncoroni/EFE/via UOL

BOCA JUNIORS 2 X 2 RIVER PLATE

Na final histórica, que foi adiada de ontem para hoje por conta das fortes chuvas em Buenos Aires, um jogão, tudo igual, “lá e cá”, um espetáculo mesmo, como todos previam.

Em duas semanas a finalíssima.

No primeiro tempo, Rámon Ábila abriu o placar aos 34 minutos, para delírio da torcida na Bombonera.

Entretanto, a alegria durou pouco, e um minuto depois, Lucas Pratto empatou para o time vermelho e branco…

Mas o Benedetto…

Algoz do Verdão, recolocou o Boca na frente, no último minuto do primeiro tempo.

E jogão, sempre é jogão, não é mesmo?

O River deixou tudo igual aos 16 minutos do segundo tempo, gol contra de Izquierdoz.

E AGORA…

Com uma rodada a menos e a diferença mantida, Palmeiras e Inter terminarão assim, nas duas primeiras posições do Brasileirão?

E a Libertadores?

Em quem você aposta para levantar o caneco?

Mata-mata é bom demais, não é mesmo?

OPINE!

Compartilhe:

Se tem algo que me revolta no futebol é ver o Timão prejudicado pelo apito

Jean tira bola de dentro do gol. Foto: Reprodução Premiere/Via UOL

Corinthians 1 x 1 São Paulo

Isso eu não admito, amigos! Ver o Corinthians operado pela arbitragem, que conta com “32” auxiliares em todos os jogos. Com gente vendo, revendo, informando sobre os lances a todo momento, não é justo que, num clássico Majestoso, o Timão saia de campo prejudicado.

Oras bolas! Foi gol do Danilo aos 34 minutos do primeiro tempo. E não é que foi um gol, assim tímido, foi GOOOOLLLLLL, com muitos “ós”. E ninguém foi capaz de ver que o Jean defendeu dentro do gol? Ah, vai tomar banho na soda!

Até o ponderado Jadson perdeu a paciência com a arbitragem e soltou um “m… do árbitro lá atrás”. A que ponto chegamos: nem o Corinthians aguenta mais os erros de arbitragem.

E nem venham lembrar aquele empate por um a um em agosto de 2015, quando o Uendel, então lateral do Timão, fez uma defesa com as duas mãos em lance ignorado pela arbitragem. Nem lembrem porque não vai colar.

E outra: aquela falta equivocadamente marcada do Pratto pra cima do Cássio no segundo turno do ano passado, quando o São Paulo lutava contra o rebaixamento e venceria a partida, que terminou empatada. Também nem vem que não tem.

Ainda mais neste sábado, quando, mesmo com um a menos durante todo o segundo tempo, o Corinthians foi melhor. E o Ralf ainda foi contemplado com um belo gol. Não marcava faz tempo.

No São Paulo quem anotou o gol foi o garoto Brenner, que entrou na vaga de Carneiro, ainda na primeira etapa.

O resultado não ajuda muito nenhum dos dois. O São Paulo continua com o quarto lugar ameaçado pelo Grêmio. E o Corinthians vai depender dos demais jogos para saber quantos pontos ficará acima da zona de rebaixamento ao fim da rodada.

América-MG 0 x 1 Paraná Clube

Poxa vida, mas parece que o Coelho, mais uma vez, vai bater e voltar da Série-A. Pelo amor de Deus, América! Perder pro Paraná Clube, já rebaixado? Tenha paciência.

Botafogo 2 x 1 Flamengo

Triunfo importante do Fogão, que se distancia cada dia mais das últimas posições. Pior para o Flamengo. De candidato ao título nas mãos de Dorival, a equipe não vence há três rodadas e fica longe da taça. Cheirinho outra vez? Tá louco hein Flamengo!

Atlético-PR 2 x 0 Cruzeiro

Que maravilha esse furacão com o jovem Tiago Nunes. Treinador deu jeito no time que não para mais de vencer. Quase finalista da Sul-americana e agora sexto colocado na tabela do Brasileiro. Ultrapassou Santos e Galo, que ainda jogam nesta rodada.

Avaí 0 x 1 Fortaleza – Série B

Esse merece registro. Vitória do time cearense valeu o título da segunda divisão. O primeiro título nacional da carreira de treinador do Rogério Ceni. Você foi um goleirão e também vai ser um grande técnico, Rogério. Torço mesmo por você.

Compartilhe:

Frases, opiniões e pensamentos

Derrota do Palmeiras neste domingo em Belo Horizonte seria ótimo para o final do Brasileiro.

Brasileiro torcer contra Bolsonaro é como o sujeito em pleno voo torcer para o avião cair porque viu um desafeto a bordo.

O Galo na Série A e o Coxa na Segundona: campanhas nota 3,17.

Até quando o Guarani e agora a Ponte (talvez) ficarão “batendo lata” na divisão de baixo?

Grande Campinas, já quase o segundo polo econômico do país, não merece.

Rodrygo, craque, craque mesmo do Santos, “foi” para o Real Madrid e… sumiu?

A Vila sem alvará dos bombeiros é como de novo escalar jogador irregular e perder os pontos.

Palmeiras ganhou o Brasileiro: muito pouco.

Botafogo e Vasco: Maracanã não vibra ou torce como antes faz tempo.

O mais emblemático estádio do mundo está como o Cristo lá no Rio: triste!

Penhora da taça de legítimo campeão mundial do Corinthians: uma vergonha!

Que em 2019 o São Paulo deixe de ser coadjuvante.

O Santos também.

River e Boca: Real e Barça aqui pertinho.

O Corinthians é 1,5 vez campeão mundial.

Sem dinheiro russo ou árabe, mas o futebol brasileiro também enlouqueceu com salários incompatíveis.

Santos quer ficar com Dodô por… R$ 350 mil por mês!

Pelé, em 1959, ganhava o proporcional a R$ 9.850,00.

Se Bolsonaro conseguir nomear Jesus Cristo como ministro da Saúde o PT será contra e meterá o pau soltando nota oficial: “Isso é um absurdo, agora ninguém mais ficará doente e teremos milhões de desempregados porque os laboratórios e os hospitais vão quebrar”.

Mais um pouco o PT vira PA: Partido Atrapalhador!

Mais um pouco Botafogo e Vasco chegam a Bangu e América.

Acordem, clubes e Federação Paulista: a Portuguesa não pode acabar!

Neymar já comprou malas novas para pegar um ônibus para Madrid.

Andrés Sanchez não esquece Mano Menezes nunca.

A Crefisa está para o Palmeiras assim como o VAR está para o árbitro.

Felipão fez 70 anos e parabéns.

Duro será chegar aos… 7.1!

O tal Juninho que matou o ex-jogador Daniel em Curitiba: prisão perpétua é muito pouco.

Pobre Sidão, sem culpa, grife ou marketing pessoal, é o crucificado da vez depois do Muralha do Flamengo.

A grosso modo é como em todo o meio da comunicação: se é de esquerda e do contra, é intelectual, se é de direita, é brega.

Rótulos imbecis.

Intelectual é Ruy Castro: escreve, fala, entende e joga nas 11 posições de qualquer time ou assunto.

Impressionante!

Bolsonaro, pare de “dungar” ou de enfrentar a imprensa porque é jogo ruim e faz perder copa.

Dunga-2010 que o diga.

E bom final de semana para todo mundo!

Opine!

Compartilhe: