publicidade

Blog do Milton Neves

Categoria : Rodada


Sheik, “pesadelo tricolor”, estreia e ajuda Ponte vencer o São Paulo; Palmeiras vacila e só empata com o Galo; e Grêmio bate o Vasco!

Mas que estrela tem esse Emerson Sheik, hein?

Sempre brilha contra o São Paulo, um incômodo pesadelo para o torcedor.

E após o sonolento primeiro tempo, o ex-corintiano entrou e sua presença foi o suficiente para apimentar o duelo.

Além de participar no lance do gol de Lucca, outro ex-corintiano, ele deixou o time de Rogério Ceni atormentado.

Talvez o problema do São Paulo seja o Corinthians, não é mesmo?

E eu que cheguei a pensar que não daria para a Ponte Preta, porque o time estava “apagadinho”.

No entanto, a Macaca reagiu e pôs água no chope do rival, que “morreu” na segunda etapa e inverteu os papéis no duelo dando outro desfecho.

Boa vitória da Ponte, com certeza vai brigar pela ponta da tabela.

Quanto ao Tricolor, liguem o sinal amarelo, as coisas não estão tão boas por lá!

Ou você ainda acha que o São Paulo tem alguma chance neste Brasileirão?

Palmeiras 0 x 0 Atlético-MG

É muito difícil jogar contra Palmeiras no Allianz Parque.

O Galo deu conta do recado, jogou para o gasto e não fez um mau negócio.

Mas reconheço, o Verdão foi superior, mas no Brasileirão é assim, não pode vacilar!

Principalmente se no gol estiver um “São Victor”.

Além de defender o pênalti de Willian Bigode, o goleiro mineiro foi o nome do jogo.

Grêmio 2 x 0 Vasco

A tarefa do Vasco de vencer o Grêmio, em Porto Alegre, estava mais para “missão impossível”.

O Tricolor vem embalado e não deu chances para o Cruzmaltino, que pecou infantilmente no lance do pênalti.

E que coisa esse Lucas Barrios, hein? Caiu como uma luva no time!

Péssimo negócio fez o Palmeiras, sorte dos gaúchos.

Cruzeiro 0 x 2 Chapecoense

Estava na cara, né? O Cruzeiro não era páreo para a Chape.

Em pleno Mineirão, os catarinenses deram um baile na Raposa e conquistaram uma vitória importante, principalmente porque passaram o Corinthians na tabela e agora ocupam o topo.

OPINE!!!


Fla não engrena e empata com o Botafogo, que ri mais uma vez do rival eliminado da Libertadores!

Confesso que eu esperava um pouco mais do clássico carioca.

Mas por aquilo que ambos jogaram, o empate até que ficou de bom tamanho. Justo!

No entanto, era obrigação do Flamengo fazer um resultado positivo. Não é verdade?

Se não me engano, quem sofreu uma eliminação precoce na Libertadores e que pode ter concentração maior no Brasileirão, é o Rubro-Negro.

Já o Botafogo, do ótimo Jair Ventura, fez sua parte contra o forte elenco rival.

Inclusive, levou perigo ao gol de Muralha em alguns momentos.

A bem da verdade, o Fla esteve melhor, mas a marcação perfeita do Fogão “melou” qualquer chance de vitória flamenguista.

Sem contar que, Gatito Fernández vem sendo espetacular! Mais uma vez, o goleiro fez jus a “camisa 1” do time da Estrela Solitária.

Daí eu te pergunto, torcedor rubro-negro:

Com o time recheado de craques, o que falta para o Flamengo engrenar no Brasileirão?

Avaí 1 x 0 Sport Recife

Vanderlei Luxemburgo segue sem vencer no comando do Sport.

Na estreia, pelo Brasileirão, o algoz desta vez foi o Avaí, que marcou seu primeiro gol no torneio.

O jogo foi intenso na primeira etapa, mas os pernambucanos caíram de produção e sofreram por isso.

Mas vamos dar tempo ao Sport, pois acredito em uma reação com Luxa.

Não é mesmo, “profexô”?

OPINE!!!


Deu a lógica! Com a melhor retranca do torneio, Corinthians é campeão paulista!

A tarefa da Ponte Preta em reverter os 3 a 0, realmente era muito complicada.

Tentar dar o troco da final de 77 vai ficar para uma próxima vez.

Esteve nas mãos da Macaca a oportunidade, mas a derrota no primeiro jogo foi crucial.

Então, valeu o esforço e dedicação dentro do Itaquerão no empate de 1 a 1.

E a conclusão que chegamos, é que o elenco de Gilson Kleina vai vir fortíssimo para o Brasileirão.

Diferente do Corinthians, que mesmo campeão, hoje é o clube mais fraco dos grandes de São Paulo.

Carille ganhou este Paulistão na raça e na manha, porque Palmeiras e Santos são times de ponta do Brasil, favoritos a tudo!

Já o São Paulo… Deixa pra lá, mas Ceni está pegando o jeito para fazer o bom Tricolor jogar.

No mais, parabéns pela conquista do 28º Campeonato Paulista, Timão!

“É nóis, tâmo junto e vaaaaaai, Curintcha”!

Flamengo 2 x 1 Fluminense – o Tricolor até tentou acabar com a festa rubro-negra ao abrir o placar no comecinho. Porém, ainda tinha uma longa partida e o Fla virou, justificando o merecido título invicto.

Novo Hamburgo (3) 1 x 1 (1) Internacional – que fase do Colorado, hein? Nos pênaltis contra o “Novo Campeão Hamburgo”, os craques do Inter foram muito mal, prova de que o time precisa de mais reformulações.

Atlético-MG 2 x 1 Cruzeiro – apesar do “Apito Amigo” ajudar a Raposa, Robinho e Elias mudaram o destino do jogo, esquecendo da vantagem e batendo o rival. Viva o “Galo Mais Lindo do Mundo”, outra vez campeão!

Vitória-BA 0 x 0 Bahia – o Rubro-Negro baiano jogou para o gasto e alcançou o seu objetivo. A verdade é que o meu “Bâhea Minha Porreta” apagou e viu o rival fazer o que quis. O gol não saiu e a vantagem prevaleceu.

Coritiba 0 x 0 Atlético-PR – o Coxa jogou bonito e segurou o Furacão, que precisava fazer o impossível. Além do título, o Coritiba aumentou o longo jejum do rival, que não vence por 3 gols de diferença no Couto Pereira desde 1999.

Chapecoense 0 x 1 Avaí – esta foi apenas a primeira conquista deste novo time. Mesmo com a derrota magra, a Chape foi campeã. Isso prova que ninguém precisa mais ter dó da querida Chapecoense, e sim, temê-la!

OPINE!!!


Sem Mundial e agora sem o Paulistão: Ponte elimina o Verdão!

A tarefa palmeirense realmente era muito difícil.

Apesar de mandar no jogo e dominar praticamente todas as ações, o Palmeiras só furou o bloqueio pontepretano com a ajuda do goleiro Aranha.

Gilson Kleina, mais uma vez, deu uma aula tática em seu rival.

E mesmo a Macaca tendo jogado simples, porém, toda na defesa, a derrota magra de 1 a 0 só confirma a força do time para a final.

Agora, que decepcionante o Verdão, hein?

Com este elenco recheado de estrelas, era obrigação, no mínimo, uma vitória mais convincente.

Borja não jogou absolutamente nada, era questão de tempo ele ser vaiado.

Então torcedor, eu lhe pergunto:

Se no “humilde” Paulistão o “favorito” Palmeiras foi eliminado, o que será na Libertadores?

E o primeiro Mundial, vem ou não vem?

Porque Mundial, só com Libertadores, não é mesmo Corinthians?

OPINE!!!


São Paulo falha e “Apito” salva Ceni de derrota. M1TO está pronto para ser técnico?

Se tivesse corintiano no Morumbi, a chateação seria maior, pois o “Apito” prejudicou o Timão.

Mesmo com o domínio são-paulino, o Corinthians merecia ter virado o duelo.

E o que parecia fácil para o Tricolor, se complicou mais uma vez, na nova falha da zaga.

Estava no “papo” a vitória, mas agora ficou evidente que Rogério Ceni perdeu o tato sobre como posicionar uma defesa.

É difícil entender, como ele, por ter jogado anos observando de perto os zagueiros, não possa por fim nesta deficiência.

Demorou aceitar que para goleiro, o melhor seria preservar Denis e escalar o promissor Renan Ribeiro, já que Sidão chegou e não emplacou.

E se lá atrás as coisas foram mal, o ataque, que estava sendo tão elogiado, passou o clássico em branco.

Foi o suficiente para deixar insatisfeito o torcedor tricolor.

Com este empate, já são cinco jogos sem vitória e o São Paulo não engrena! Isso prova que o time não tem um padrão, é frágil.

Será que Ceni está realmente preparado para o cargo de treinador?

São Bento 1 x 2 Ponte Preta – a Macaca entrou em campo focada para alcançar a classificação. E não deu outra! Dominou a partida, criando boas chances e vencendo o rival fora de casa.

Red Bull Brasil 0 x 2 Botafogo-SP – o jogo foi decidido nos detalhes, porque esteve longe de ser uma grande partida. Sorte do Botafogo-SP, que aproveitou a falha da zaga adversária duas vezes.

OPINE!!!


Vai cereja na “cobertura”, Ceni? Verdão dá show e vence o São Paulo!

Que Choque-Rei foi esse? O clássico foi fantástico, aconteceu de tudo!

Inclusive, para abrilhantar ainda mais os 3 a 0, Dudu fez questão de relembrar como é bom fazer gol de cobertura no São Paulo.

Que golaço do “camisa 7” palmeirense, não é mesmo?

E que sina é essa de Rogério Ceni, hein? Virou moda!

Além dos inesquecíveis gols de cobertura que levou do Palmeiras quando jogador, agora já tem um na conta um como treinador.

Coitado do são-paulino que imaginou sair vencedor desta partida e acabar enfim, com o incômodo tabu de oito anos sem vencer o rival no Paulistão.

O Alviverde é mil vezes mais time, só demorou engrenar. Creiam!

Já o Tricolor, precisa de muita “sustância”, pois não basta ter o melhor ataque e ser frágil defensivamente.

Falhas acontecem, mas em todas as partidas já é demais! Cadê o técnico?

Mas e você torcedor, o que achou do baile que o Verdão deu no São Paulo?

Audax Osasco 1 x 2 Red Bull Brasil – mesmo fora de casa, o time de Campinas foi superior. Construiu o resultado no primeiro tempo e apenas “cozinhou” o rival na etapa final.

Santo André 1 x 1 Botafogo-SP – o Ramalhão foi melhor no duelo e fazia bem a lição de casa, mas não contava com a bela acordada que o rival deu, sofrendo o empate após uma penalidade.

OPINE!!!


W.O. duplo, “apito corintiano” e rebaixamento histórico. Final do Brasileirão teve de tudo, menos a nossa querida Chape!

A ferida ainda está aberta e vai demorar fechar, prova disto foram as emocionantes homenagens prestadas ao grandioso time da Chapecoense.

E no embalo coletivo do #FORÇACHAPE, a última rodada do Campeonato Brasileiro chegou ao seu final.

No Mineirão, ele tinha que dar as caras, né?

Mas não adiantou nada o “Apito Amigo” alvinegro entrar em campo, porque o gol mal anulado e o pênalti escandaloso não fizeram falta para o Cruzeiro.

Que apesar de ter passado um certo sufoco, virou a partida para 3 a 2 com o inspirado Robinho.

“Jogou demais da conta o moço, sô”!

Assim, o sonho do Timão de classificação para a Libertadores foi adiado.

E o torcedor vai ter que se contentar com a Sul-Americana e uma reformulação imediata do elenco.

Não é mesmo, corintiano?

Porém, isso não pode ser comparado com a esperança colorada que afundou em um mar de lágrimas.

Prevaleceu a lógica!

Fluminense não perderia para o desesperado Internacional, Sport Recife venceria o já rebaixado Figueirense e o Vitória contaria com a sorte, pois contra o poderoso Palmeiras, seria derrota na certa.

Já o São Paulo, foi resolver jogar bola justo nas últimas rodadas do campeonato?

Com atacante argentino “brucutu” Chavez em um dia anormal, o Tricolor goleou o meu Santinha por 5 a 0.

Ponte Preta não deu chances para o Coritiba e William Pottker foi mais uma vez o destaque, Macaca 2 a 0.

Estaria ele merecendo uma convocação?

A bem da verdade, quem vai ter que fazer uma convocação, vão ser os dirigentes do Botafogo.

Pois o time da Estrela Solitária bateu o Grêmio por 1 a 0 fora de casa e se classificou para a Libertadores.

Alô, torcida do Fogão, vamos lotar o estádio em 2017!

E por sua vez, o duelo pelo vice ficou mesmo com o Time da Vila.

O Santos venceu o América-MG por 1 a 0 e o Flamengo, que tanto vendeu perfume, vai ter guardar no estoque o precioso “cheirinho”.

Porque contra o Furacão, o duelo não saiu do zero.

OPINE!!!


Entreguem logo a taça! Palmeiras vence o Botafogo, conta com “vacilada” do Santos e fica perto do título!

A taça já está a caminho do “Palestra Itália”, ou você ainda tem alguma dúvida?

Eu cheguei até pensar que o Santos perderia para o Cruzeiro, mas o empate do Peixe em Minas, não vai atrapalhar os planos de Cuca.

Então, é só cumprir tabela e levantar o caneco daqui a duas rodadas.

Uma pena, porque o campeonato poderia ter tido muito mais graça se fosse disputado no mata-mata.

Mas não podemos tirar os méritos do ótimo time construído por Paulo Nobre, que teve papel fundamental para o sucesso da equipe.

A bem da verdade, o Alviverde conseguiu resultados importantes durante todo o torneio, como esta vitória de 1 a 0 sobre o Botafogo.

O duelo foi bastante movimentado, com domínio pleno do Palmeiras.

Moisés, que fez outra “partidaça”, merece com todos os méritos uma convocação de Tite.

E quando se tem um elenco fechado, unido e principalmente com muita sorte, tudo fica mais fácil.

Nessa reta final, podemos esperar apenas isso, festa dos palmeirenses nos “pontos morridos”.

Com 108,78% de chances de ser o novo campeão, somente uma tragédia não consagra o Verdão.

Cruzeiro 2 x 2 Santos

Não adiantou o Santos jogar bem no Mineirão. Ricardo Oliveira, quando acionado, não perdoou e balançou a rede em duas oportunidades.

Mas o empate cruzeirense saiu caro para o time da Vila, que vacilou nos últimos minutos e sofreu com o gol irregular de Manoel. “Apito Amigo” cruzeirense!

Ponte Preta 1 x 0 Fluminense

Após a saída Levir do Tricolor, tudo ficou mais complicado. Contra a Ponte, o Flu não conseguiu segurar o empate e segue caindo pela tabela.

Já a Macaca, que tinha chances de rebaixamento, está salva. Isso graças ao gol de Wendel, que fez um ótimo campeonato, assim como todo o elenco.

Vitória 4 x 0 Figueirense

Parece que em 2017 teremos um Ba-Vi novamente, hein? Com a goleada, o Vitória respira e joga toda a pressão em cima do Internacional.

Mais uma vez, Marinho foi o nome do jogo. O atacante fez apenas um gol, mas foi fundamental no duelo que decretou o rebaixamento do Figueirense.

Grêmio 3 x América-MG

O time reserva do Grêmio fez a lição de casa, pois com o resultado, os gaúchos aumentam a chances de chegar à Libertadores 2017 pelo Brasileirão.

A partida não foi emocionante e os poucos 12 mil torcedores viram uma vitória sem graça do Tricolor sobre o já rebaixado América-MG.

Atlético-PR 2 x 0 Sport

O Atlético-PR deu mais um passo rumo à Libertadores 2017. André Lima e Thiago Heleno marcaram os gols do triunfo rubro-negro.

E não poderia ter sido melhor, já que o Furacão se impôs sobre o Sport durante todo o jogo. Com esta vitória, o sonho do Timão por Libertadores complica.

Mais tarde, às 19:30:

Flamengo 2 x 2 Coritiba

A partida começou eletrizante e dava pinta de que seria um chocolate do Flamengo sobre o Coritiba. Mas, só seria…

O Coxa engrossou o caldo e arrancou o empate dentro do Maracanã. E não foi só isso, porque os paranaenses jogaram muito melhor e até mereciam a vitória. Fim do “cheirinho”!

Santa Cruz 3 x 3 Atlético-MG

Que jogaço! Os reservas do Galo até tentaram bater o Santinha, mas a dupla Keno e Grafite estavam inspirados.

Se Fred, agora artilheiro do Brasileirão, não estivesse no jogo, o resultado seria completamente diferente.

Chapecoense 2 x 0 São Paulo

Mesmo focada na Copa Sul-Americana, a Chapecoense foi com força total para o jogo contra o São Paulo e não deu outra.

O instável Tricolor sucumbiu diante o bom time catarinense, que já aparece na lista de candidatos à Libertadores.

Opine!!!


Timão é goleado pelo “combalido” São Paulo e Fla vacila feio! Verdão campeão?

O Majestoso tinha tudo para ser “fraquinho fraquinho”, pois São Paulo e Corinthians vivem uma realidade péssima se comparada a de outros tempos.

Mas se tratando dessas duas equipes, pode-se esperar qualquer coisa. Inclusive, uma inesperada goleada são-paulina.

Ou você acreditava em uma vitória do Tricolor? Não ganhou nem do América-MG!

Pressionado e precisando urgente dos três pontos para afastar o fantasma do rebaixamento, o São Paulo dominou o Alvinegro. Podem acreditar!

Ainda no agitado e bom primeiro tempo, o “juizão” assinalou falta dentro da área de Fagner em Kelvin.

Eu que amo o Corinthians, infelizmente, não pude discordar do árbitro. Pênalti claríssimo!

Cueva, disparado o melhor em campo, “judiou” do goleiro Cássio ao fazer a cobrança em grande estilo, de “cavadinha”.

Ainda houve tempo para os gols da ótimo garoto David Neres, Chavéz e Luiz Araújo.

A bem da verdade, o Timão não está lá essas coisas, né? Tá meio “requenguela”!

Que triste, hein, Corinthians?

Perdido durante os 90 minutos, deixou o Morumbi desnorteado. Que fase!

“Vacilada rubro-negra feia” no Flamengo 0 x 0 Botafogo (às 17 horas)

Vai entender o Flamengo, hein?

Interessado unicamente na vitória, o Rubro-Negro fez o que era esperado, partiu pra cima e dominou o Botafogo. Mas as chances de gol foram raras!

No primeiro tempo, por exemplo, que por sinal fraquíssimo, Sidão trabalhou apenas em uma oportunidade.

Desse jeito, era melhor entregar logo de uma vez a taça ao Palmeiras.

Ao menos o Verdão tem sorte de campeão e sai vitorioso de quando joga mal, não é mesmo?

Na verdade, eu esperava mais do clássico carioca, principalmente que ele melhorasse na segunda etapa.

Mas não foi isso o que nós vimos.

Então, preferi acreditar que o empate “mixuruca” no Maracanã foi fruto da qualidade dos times, não pelo medo de arriscar a ganhar e acabar perdendo.

Com o resultado sem gols, a situação flamenguista voltou a piorar e o sonho do título, “vish”, pode esquecer!

Já é a quarta partida sem vitória do Fla.

Agora, quem vai entrar na briga pela taça contra o Palmeiras vai ser o Peixe e o Galo.

OPINE!!!


Timão breca o Fla e ajuda o Verdão, que vence e já começa a ensaiar grito de campeão! Gre-Nal acaba sem gols, sem graça; e Cruzeiro respira ao bater o Vitória!

A volta ao Maracanã poderia ter sido perfeita. Poderia…

Infelizmente, antes do jogo as torcidas se estranharam e nós presenciamos cenas lamentáveis. Gente, mais paz, mais amor!

No entanto, dentro de campo o que vimos foi um jogaço digno desses dois gigantes.

E eu que apostei na vitória certa do Flamengo, me enganei.

Não é que o Corinthians ajudou e muito o arquirrival Palmeiras? Seria já o olhar clínico de Oswaldo de Oliveira?

Os dois gols alvinegros fizeram os palmeirenses comemorarem a quilômetros de distância e dentro do Allianz Parque.

Algo raro de se acontecer…

Porém, mais raro foi o “Apito Amigo” que agiu contra o Timão, não é mesmo?

Guerrero, que nada tem a ver com isso fez logo dois.

O primeiro, impedido, teve um sabor especial, pois era assim que marcava seus gols pelo Corinthians. Doce veneno?

A bem da verdade, o Flamengo teve todas as chances para virar, mas Walter estava lá. Sem dúvidas o grande destaque. Jogando desse jeito, o Cássio não volta mais!

Mas e agora?

Como é que vai ficar a situação dos cariocas?

Após esta rodada, a distância para o líder aumentou para seis pontos.

Será que o Fla ainda tem gás para buscar uma reação e ser o grande campeão? Ficou difícil!

Palmeiras 2 x 1 Sport

O líder do campeonato deu um importante passo para a consagração que tanto busca.

A vitória sobre o Sport, injusta, deixa o Verdão um pouco mais perto do título.

É que o árbitro deixou de anotar um pênalti claríssimo do zagueiro Mina.

Se os pernambucanos venceriam ou não, é outra história, pois o Palmeiras fazia uma grande partida. Mas a não marcação da penalidade os prejudicaram muito.

Grêmio 0 x 0 Internacional

O Gre-Nal teve quase tudo que caracteriza o duelo entre as equipes, só faltou o principal.

A falta do gol foi o reflexo do clássico, que teve como foco o sangue esquentado dos jogadores.

Ao invés de jogar bola, se preocuparam mais em bater do que vencer e conquistar os três pontos.

Só não esteve pior, porque o segundo tempo teve algumas boas chances, mas sempre seguida da tensão, o que tirou a graça do duelo.

Vitória 0 x 1 Cruzeiro

Parece que os ares lá na Toca da Raposa estão mudando.

A ótima vitória sobre o Rubro-Negro baiano se deve graças ao excelente goleiro Rafael, que além de importantes defesas, pegou um pênalti.

E o gol de Ariel Cabral deu ânimo ao time, que entrou em campo com muitas mudanças.

Esse Mano Maneses, viu? E vocês o criticavam tanto na Seleção Brasileira!

Coritiba 1 x 1 Fluminense

O duelo foi disputadíssimo, ainda mais pela forma que foi construído.

A expulsão-relâmpago de Kléber prejudicou o Coritiba, que sofreu durante todo o jogo com um jogador a menos.

Gum saiu da zaga e fez abriu o placar. O zagueiro se redimiu da falha contra o São Paulo e fez uma bela partida, diferente da dupla de ataque que foi muito mal.

Porém, o Coxa mostrou sua força dentro de casa e arrancou o empate.

Atlético-MG 3 x 0 Figueirense

A boa vitória sobre o Figueirense manteve o Atlético-MG na terceira colocação, mas a próxima rodada pegará fogo.

O Galo que está a dois pontos do Flamengo, receberá o Rubro-Negro, fazendo um duelo de seis pontos.

Agora ficou realmente difícil para os cariocas, que tendem a cair na tabela.

Chapecoense 0 x 1 Santos

O Santos vem comendo pelas beiradas e hoje não foi diferente.

A verdade é que o Peixe não jogou bem, mas conseguiu vencer a Chapecoense fora de casa.

Na partida, o time da Vila Belmiro contou com uma lambança dos anfitriões e Lucas Lima não desperdiçou a chance.

Porque após isso, foi rezar e se segurar. O mais justo seria no mínimo o empate, mas o goleiro Vanderlei fechou o gol.

OPINE!!!