publicidade

Blog do Milton Neves

Categoria : Mundial 2012

Há 17 anos, o Corinthians ganhava o seu primeiro “meio” Mundial de Clubes!
Comentários COMENTE

Milton Neves

axel-witsel-esq-da-belgica-disputa-bola-com-joe-allen-do-pais-de-gales-em-partida-pelas-eliminatorias-da-eurocopa-nesta-sexta-feira-12-1434140743441_615x300

Hoje faz 17 anos que o Sport Club Corinthians Paulista conquistou o seu primeiro “meio” Mundial de Clubes da Fifa.

E digo isso, claro, porque o Timão não merecia minimamente ter participado daquela competição, realizada em 2000.

Em campo, ganhou na bola, é verdade!

Mas e a Libertadores da América, requisito para ingressar em todas as edições anteriores do Mundial?

O Timão foi convidado pela Fifa pela sua força de ibope e de torcida. E só!

Aquele papo de “a entidade chamou o atual campeão do país sede” é balela.

O Palmeiras, que conquistou a Libertadores de 1999, era quem merecia ter participado da competição ao lado do Vasco (campeão da Libertadores-98), do Real Madrid (campeão da Liga dos Campeões-97/98), do Manchester United (campeão da Liga dos Campeões-98/99), do Al-Nassr (campeão da Supercopa da Ásia-98), do Raja Casablanca (campeão da Liga dos Campeões da CAF-99), do Necaxa (campeão da Liga dos Campeões da CONCACAF-98/99) e do South Melbourne (campeão da Liga dos Campeões da OFC-98/99).

E outra, onde já se viu uma decisão de Mundial com… DOIS TIMES DO MESMO PAÍS???

Por essas e outras, corintianos, não continuem dizendo de peito aberto por aí que vocês são bi-mundiais.

O Timão é, no máximo, uma vez e meia campeão mundial de futebol.

Opine!

Foto: revista Placar


Itaquerão “não está seguro”, diz Corpo de Bombeiros ao encontrar 26 irregularidades nas obras do estádio do Corinthians!!! Se houvesse tempo, a abertura do Mundial não deveria mudar para o Maracanã??? E o imbróglio com Sheik continua: Timão dá “carta branca” para negociarem com o atacante!!!
Comentários COMENTE

Milton Neves

homer

E o Itaquerão, hein?

Agora, o Corpo de Bombeiros encontrou 26 irregularidades no estádio.

Será que não pinta uma troca na abertura?

Com “um problema por dia”, não há otimismo que aguente tantas dúvidas.

Às portas da Copa do Mundo, parece que a estreia será “amanhã” e não haverá tempo para o “jeitinho brasileiro”.

Se a mudança não fosse inviável- por questões logísticas e turísticas – a Fifa já teria deslocado a abertura para o Maracanã.

O que seria bom para a Seleção, já que o Brasil só atuará no “palco sagrado” se chegar à decisão.

Mas será que vale a pena apostar na abertura no Itaquerão diante de tais falhas na segurança?

Que fase, hein, Sheik?

Após tanto fazer pelo Timão, o polêmico atacante pode deixar o clube pela porta dos fundos.

Com quase um ano e meio de contrato pela frente, Emerson é o primeiro na lista de transferências do Corinthians.

E o clube procura algum interessado que possa pagar, pelo menos, 50% dos vencimentos do atleta.

O Botafogo se interessou, mas o valor assusta. E o Vasco queria o jogador antes do Alvinegro renovar o contrato de Sheik, mas à época o negócio não fluiu.

E a negociação forçada coloca Emerson entre os campeões do mundo que perderam lugar na equipe.

Entre os titulares, só Cássio, Fábio Santos e Ralf entraram jogando diante do Chelsea.

Seria ingratidão corintiana com seus ídolos?

Você confia no Itaquerão para a abertura?

OPINE!!!


Novela Neymar apresenta mais um capítulo e parece não ter fim. Ao atacar fortemente LAOR e Odílio e defender o seu pai, o craque do Barça mostra sua insatisfação e preocupação, sinalizando que as coisas estão se complicando demais. Enquanto isso a Justiça espanhola fecha o cerco em torno do Barcelona. O que será o fim disso? Saca aí, Neymar: você está de saco cheio, seu pai de bolso abarrotado e o Santos, dos péssimos LAOR e Odílio, de cofres vazios!
Comentários COMENTE

Milton Neves

Neymar post

A interminável “novela Neymar” segue dando pano para a manga.

O craque do Barcelona se irritou com a entrevista concedida na última segunda-feira por LAOR ao SporTV, quando o dirigente disse que Neymar pai deu uma “demonstração de falta de caráter”.

Confiram abaixo a resposta de Neymar, publicada em seu Instagram oficial:

“Mais uma vez estou tomando a liberdade de falar em um assunto que já passou dos limites… Hoje eu entendo o meu irmão PAULO HENRIQUE GANSO de não ter ficado no Santos, não foi porque ele não gostava mais do clube e nem queria jogar no Santos, foi sim por causa da diretoria !! Sempre respeitei todos eles e fui muito profissional.. Estou totalmente decepcionado com o ex presidente LAOR e o atual ODILIO .. Principalmente o LAOR que sempre o tratei com o maior carinho e admiração, hoje se foi tudo com o que ele disse a respeito do meu PAI .. To de saco cheio dessa balela, ta enchendo o saco tanta falação !! Se ele pensou que meu Pai era burro, se enganou muito !! Sou fã e continuo sendo do meu Pai por ter me colocado onde estou e se ele ganhou milhões, qual o problema ? .. Ele trabalhou e não ficou esperando nada cair do céu.. Agora deu né .. Desculpa torcida Santista, mas não vai ser por causa de “duas ou mais pessoas” que meu carinho pelo SANTOS FUTEBOL CLUBE vai mudar…”.

Pelo visto, essa novela ainda vai dar muito o que falar e derrubar muita gente.

Afinal, a Justiça espanhola já fechou o cerco em torno do Barcelona, que jura de pés juntos não ter feito nada de errado.

Mas, e então, para você que acompanha neste espaço todo o desenrolar desta história: quem tem razão?

Opine!


Histórico prova que a Copa de 2014 está no colo do Brasil!!! Se não ganharmos na bola, vai ser “à la Corinthians” no Apito Amigo!!!
Comentários COMENTE

Milton Neves

A Copa de 2014 está no colo do Brasil.

Se não ganharmos na bola, vai ser “à la Corinthians”:  no Apito Amigo.

Fato que já aconteceu com nossa seleção em outras oportunidades, como mostra a ótima reportagem divulgada no UOL, reproduzida a seguir:

Post_01BRASIL x SUÍÇA, 1950 – Ademir de Menezes saiu com a bola pela linha de fundo, antes de centrar para o gol de Alfredo. Todo o Pacaembu viu, mas o juiz espanhol Ramon Azon Roma validou o lance, para fúria dos suíços. No final, empate por 2 a 2, sofrido, ainda pela primeira fase.

 

post_02BRASIL x ESPANHA, 1962 – O duelo entre Brasil e Espanha valia uma vaga nas quartas de final. Em desvantagem no placar, a seleção viu a eliminação de perto quando Nilton Santos derrubou Collar na área. Mas o genial lateral brasileiro deu um passinho para frente e enganou o árbitro chileno Sergio Bustamante. que anotou infração fora da área. Depois, o time viraria o placar com dois gols de Amarildo.

 

post_03BRASIL x INGLATERRA, 1970 – Francis Lee acertou o rosto do goleiro Felix em uma dividida na área. Minutos depois, o capitão Carlos Alberto Torres (foto) não teve dúvidas e deu o troco, com um pontapé claramente calculado para cima do adversário inglês. O lance violento acabou sendo ignorado pelo árbitro israelense Abraham Klein.

 

post_04BRASIL x URUGUAI, 1970 – Pelé não produziu em campo apenas maravilhas. A face perversa do Rei veio à tona em algumas oportunidades, inclusive em Copas. Na semifinal de 1970 contra o Uruguai, cansado de apanhar, o ídolo deixou a bola correr e esperou o momento certo para acertar uma cotovelada em Matosas sem chamar muito atenção. O árbitro espanhol José Ortiz de Mendibil não viu ou não teve coragem de expulsar a lenda da camisa 10.

 

post_05BRASIL x ITÁLIA, 1982 – O jogo já se encaminhava para o fim, com o placar de 3 a 2 que levava os italianos para a semifinal. Mas o árbitro israelense Abraham Klein invalidou o gol legal de Giancarlo Antognoni (foto), assinalando um impedimento que ninguém entendeu. Mas justiça seja feita: no primeiro tempo o Brasil também foi prejudicado, quando Gentile rasgou a camisa de Zico dentro da área.

 

post_06BRASIL x ESPANHA, 1986 – O Brasil estreou no Mundial do México com vitória por 1 a 0 sobre a Espanha. Mas antes do gol de Sócrates, com o placar em zero, uma bola de Michel bateu no travessão e pingou além da linha da meta defendida por Carlos. No entanto, a arbitragem do australiano Christopher Bambridge deixou o jogo seguir.

 

post_07BRASIL x HOLANDA, 1994 – Branco teve uma das melhores atuações da carreira em Dallas contra a Holanda, pelas quartas de final. Antes de marcar o gol da classificação de falta, o lateral cavou a infração numa disputa com Marc Overmars, quando acertou um tapa no holandês e depois se atirou no gramado.

 

post_08BRASIL x TURQUIA, 2002 – O Brasil estreou na Ásia com uma polêmica vitória sobre a Turquia. Já no fim, Luizão foi derrubado fora da área por Alpay Ozalan, mas o árbitro coreano Kim Young Joo assinalou pênalti, posteriormente convertido por Rivaldo.

 

post_09BRASIL x BÉLGICA, 2002 – O juiz jamaicano Peter Prendargast livrou a cara do Brasil em um difícil duelo de oitavas com a Bélgica. Marc Wilmots ganhou de Roque Jr. no ar e anotou para os belgas, quando o placar ainda apontava 0 a 0. Mas a arbitragem anulou o gol legal. Mais adiante, Rivaldo e Ronaldo classificaram a seleção.

 

post_10BRASIL x COSTA DO MARFIM, 2010 – Luís Fabiano fez um golaço no Soccer City contra a Costa do Marfim, seu segundo na vitória por 3 a 1. No entanto, o centroavante usou o braço em duas oportunidades para não deixar a bola escapar. O árbitro francês Stéphane Lannoy ignorou as reclamações africanas e validou o gol.

Na sua opinião, o Brasil é favorito na bola?

OPINE!!

 


Torcida do Galo vai superar a Fiel no Mundial de Clubes. Por Marcondes Brito
Comentários COMENTE

Milton Neves

Post galo

Por Marcondes Brito
http://blogs.band.com.br/marcondesbrito/

Definitivamente o futebol de Minas Gerais quer romper todas as fronteiras.

O Cruzeiro confirmou ontem o título que todos já sabiam que seria conquistado.

E o Atlético, campeão da Libertadores, vai para o Mundial de Clubes – onde pode bater de frente com o poderosíssimo Bayern de Munique – com uma missão a mais:

Superar a invasão corintiana que aconteceu no Japão, quando 30 mil torcedores acompanharam o clube.

Uma nota na coluna Radar, da Veja. Online, informa que “no final de semana passado, 200 operadores de turismo que reuniram-se em Marrakesh por causa da inauguração do voo São Paulo-Casablanca, pela Royal Air Maroc, no dia 9 de dezembro, estimaram em 25 000 os atleticanos que desembarcarão no Marrocos por causa da final do Mundial de Clubes de 2013″.

A conferir.

Opine!


Verdadeiro dono da América, Galo massacra o covarde Corinthians, mas jogo termina sem vencedor; Cruzeiro vence mais uma e fica perto do título; Furacão detona o Coxa; e tudo igual no equilibrado clássico carioca!!! E o Santos “à la Timão”, conseguiu ser goleado pela surpreendente Portuguesa!!! Mas tomar três é melhor que levar de quatro!!!!
Comentários COMENTE

Milton Neves

Um primeiro tempo movimentado e a segunda etapa sonolenta.

Enquanto o Atlético-MG se preocupou em atacar, o Corinthians armou uma retranca chata.

Assim, apesar de massacrar o Timão, o Galo acabou sem marcar gols.

Ora por falta de pontaria, ora por uma defesa incrível de Cássio.

No mais, resultado ruim para os mineiros, que jogaram melhor e mereciam a vitória.

No Horto, o Timão seguiu sem mostrar nada, mantendo a dúvida na cabeça do torcedor:

O que aconteceu com esse time?

 

O Cruzeiro vai carimbando rodada a rodada sua condição de campeão.

Apesar de ser um grande cavalo paraguaio, a Raposa está unindo a sorte à ausência de adversários mais qualificados.

Mas nem um Brasileirão pode diminuir a conquista da América!

O Internacional conseguiu afastar a crise.

Após a demissão de Dunga, o Colorado bateu o Fluminense e quebrou o histórico de quatro derrotas seguidas.

Pior para os cariocas, que acreditavam em alguma chance de Libertadores.

No clássico paranaense, melhor para o Furacão.

Paulo Baier, sempre ele, resolveu mais uma vez.

E o Coxa que se cuide, 2009 parece não ter trazido nenhuma mudança.

No Rio de Janeiro, Flamengo e Vasco só empataram.

Melhor para o São Paulo, que venceu ontem e tenta sair de vez do Z-4.

E no duelo entre Portuguesa e Santos, só deu Lusa!

Três a zero fora o caldo verde.

O Peixe ainda sonhava com a Libertadores, mas ao final do jogo o elenco já assumiu que será muito difícil.

Enquanto do lado lusitano a sensação é de que a situação do time poderia ser bem mais tranquila.

Mas uma coisa é verdade: levar de quatro é muito pior!

O que acontece com o Corinthians?

Quem tem mais chances de vaga na Libertadores?

OPINE!!!

 

 


Empatezinho suado diante do Ceará garante respiro de Kleina no comando técnico do Palmeiras; Santos afunda o Flu, que pagará aquela passagem pela Série B em 2014; Grêmio entra na briga pelo título; Galo segue sonolento; e Lusa e Furacão surpreendem!
Comentários COMENTE

Milton Neves

Ufa! Quase que a batata de Gilson Kleina no comando técnico do Palmeiras assa de vez!

É que o Palmeiras por pouco não perdeu do Ceará nesta rodada da Série B.

O gol de Leandro (sempre ele) na metade do segundo tempo de partida garantiu o empate em 2 a 2 entre as equipes, que acabou dando certo respiro ao treinador do Alviverde.

Mas, afinal, as cobranças de Paulo Nobre no meio de semana, após a eliminação do Palestra da Copa do Brasil, não foram um tanto quanto desproporcionais?

Pegou pesado, Nobre!

Deixe o homem trabalhar!

E por falar em Série B…

Parece que do ano que vem não escapa: o Fluminense pagará a passagem pela segunda divisão que está devendo.

Neste sábado à noite, a equipe comandada por Luxemburgo perdeu do Santos, mesmo jogando em casa, pelo placar de 2 a 0.

Com o resultado, o Tricolor segue beirando a zona de rebaixamento, enquanto o Santos, do surpreendente Claudinei Oliveira, já começa até a sonhar com uma vaga no G-4.

E a situação do Luxa, hein?

No Canindé, uma maiúscula vitória da Portuguesa para cima do Bahia.

Placar de 4 a 2 para a equipe da casa, sendo que os três primeiros gols saíram antes dos dez minutos de partida.

Se seguir assim, a Lusinha, do competente Guto Ferreira, parece que até pode se livrar da Série B em 2014.

E o que será que está acontecendo com o Galo, hein?

Após a Libertadores, a equipe que encantou o mundo parece ter perdido o interesse em todo o resto.

Desta vez, o Atlético fez um jogo bem meia-boca com o Goiás, que terminou empatado em 0 a 0.

Espero, de coração, que Ronaldinho e companhia estejam guardando chumbo grosso para usar no final do ano contra o poderoso Bayern de Munique.

Já na Arena, o Grêmio deu mais uma prova de que agora, de fato, entrou na briga pelo título.

Em um jogo difícil contra a competitiva Ponte Preta, a equipe gaúcha conseguiu um gol chorado com Kleber, após falha do ex-corintiano Betão, que lhe garantiu os três pontos.

Com o resultado, o time de Renato Gaúcho empatou em pontos com o líder Cruzeiro, mas, no critério de desempate, perde no saldo de gols.

Mas a surpresa mesmo deste Brasileirão é a campanha do Atlético-PR, do respeitável artilheiro Éderson.

Nesta rodada, goleada sobre o Náutico, por 4 a 1, mesmo jogando em Recife, que garantiu o terceiro lugar na tabela para o Furacão.

Será que a pré-temporada da equipe paranaense, tão criticada por muitos, acabou dando tão certo assim?

Opine!


O maior filme de Pelé
Comentários COMENTE

Milton Neves

Aos quase 73 anos vem aí mais um filme sobre Pelé.

Só que será um filme-filme mesmo, o primeiro deste naipe.

Nada das esforçadas películas envolvendo a pessoa melhor dotada por Deus para uma especifica atividade profissional no mundo em todos os tempos.

Tudo já foi falado e mostrado sobre Pelé.

Nada disso.

E eu assim pensava até ser procurado por Álvaro de Lapuerta Montoya, advogado espanhol que está no Brasil documentando com ex-jogadores, dirigentes e suas famílias a competente autorização do uso de imagem daquele que contracenou na vida com Pelé até 1958, desde Três Corações-MG.

Sim, o filme acaba após a Copa da Suécia e não é documentário ou coisa parecida.

Produção de Hollywood, diretores de Los Angeles, locações no Rio, Santos, Bauru, Suécia, Três Corações e São Paulo e dinheiro americano, peruano e espanhol.

Trata-se de um longa dramatizado por atores que “serão” o Feola, Zagallo, Mauro, Bellini, Lula, Pepe, Zito, Garrincha, Waldemar de Brito, Athiê Jorge Cury, Mário Americo e etc…

Mesmo já com as filmagens marcadas para serem iniciadas dia 23 de setembro, a tarefa de Álvaro de Lapuerta Montoya, impressionado com o nosso “Que Fim Levou” do portal terceirotempo.com.br, não é das mais fáceis.

É que tem ex-jogador e viúva ou filho de personagem contemporânea do Rei que coloca mágoa recolhida de Pelé acima da remuneração a ser negociada e até mesmo da eternização de seu ente querido em produção hollywoodiana para a posterioridade.

Fico triste com isso quando tanto se luta para defender a memória esportiva do país e tanto se clama por ajuda financeira ao ex-jogador.

No sepultamento de Gylmar falei com José Maria Marin pela segunda vez em minha vida, pessoalmente.

A primeira foi em 1984 quando sua então Federação Paulista de Futebol homenageou um membro de cada equipe esportiva de rádio e TV de São Paulo.

Ponderei (a pedido de um célebre ex-jogador também presente), aquilo que defendo há anos em minhas tribunas.

Ou seja, um percentual de 1% ou 0,5% de cada milionário valor obtido pela CBF em amistosos da seleção para as fundações de auxílio aos que construíram a grandeza de nosso futebol.

E escalei até o “ministro” dessa sonhada nova pasta na CBF para gerenciar o dinheiro: o ex-craque e líder dos velhos, o Badeco.

Ele ficou de estudar “pois existem entraves jurídicos”.

Ora, é só destravar numa canetada, afinal a CBF não é “entidade privada”?

Mas, aí, na outra ponta da história, pinta essa grande chance, através do filme de hollywood “O Nascimento de Um Gênio”.

Oportunidade de ouro para que carentes do passado ou descendentes deles possam se eternizar e se remunerar e alguns dificultam crescendo os olhos ou demonstrando e reclamando que o “Pelé sempre pensou só nele”.

Uma pena, é a vida, mas o filme não apenas sairá, como já saiu, mesmo sem a “presença” deste ou daquele que se prejudica, à sua família e a imagem daquele que, do céu, não poderá mais voltar a jogar nas telas do mundo.

E ouçam abaixo o advogado Álvaro de Lapuerta Montoya falando do filme sobre Pelé


Corinthians espanta a zebra, elimina o Luverdense da Copa do Brasil e frustra seus secadores! Mas também não era mais do que a obrigação, né? Furacão devasta o Palmeiras; Bota sobrevive ao Horto; Fla supera o Cruzeiro; Grêmio afunda o Santos; e Flu cai diante do Goiás!
Comentários COMENTE

Milton Neves

Corinthians 2 x 0 Luverdense

Pois é, amigos da maior torcida do Brasil, a dos secadores do Corinthians…

Não deu para o valente Luverdense!

No Pacaembu lotado, o Timão colocou a zebra para correr e venceu bem a equipe do Mato Grosso pelo placar de 2 a 0 (o primeiro jogo foi 1 a 0 para o Luverdense).

Os gols da partida foram marcados por Pato, de falta, e por Fábio Santos.

Mas, amigos secadores, não era mais do que a obrigação do atual campeão do mundo, não é mesmo?

Garanto para vocês que do Grêmio não passa, viu! Anotem!

Grêmio 2 x 0 Santos

E por falar no Tricolor gaúcho…

A equipe comandada por Renato Portaluppi conseguiu reverter vantagem santista, de 1 a 0, conquistada na Vila Belmiro, e também avançou na Copa do Brasil.

Os gols do time gaúcho foram marcados por Souza e Werley.

Quanto ao Santos, será que preciso comentar alguma coisa?

Que “nhaca”…

Atlético-PR 3 x 0 Palmeiras

E o Palmeiras, hein?

O time de Gilson Kleina também tinha uma vantagem de 1 a 0 conquistada em casa, mas foi verdadeiramente devastado pelo Furacão em Curitiba: 3 a 0.

Agora, palmeirense, paciência… Só sobrou a Série B, mesmo!

Flamengo 1 x 0 Cruzeiro

Já no Maracanã, Flamengo e Cruzeiro fizeram o duelo mais quente da noite.

Melhor para os Rubro-Negros, que contaram com o iluminado Elias, que anda carregando o piano da equipe nas costas, para avançar na competição.

Atlético-MG 2 x 2 Botafogo

E não é que um time incrivelmente conseguiu sobreviver ao Horto.

Foi o Botafogo, que empatou com o Atlético no estádio Independência por 2 a 2 e garantiu a sua classificação graças ao 4 a 2 aplicado na semana passada.

A verdade é que o excelente time do Galo segue ainda anestesiado pelo título da Libertadores.

Mas olha que o Mundial já está chegando, hein, Cuca?

Goiás 2 x 0 Fluminense

E no Serra Doura, o Goiás, embalado pelo gordinho Walter, bateu o Flu por 2 a 0 e conseguiu avançar na Copa do Brasil.

Essa foi a primeira decepção do Tricolor carioca com Vanderlei Luxemburgo.

Será que o “pofexô” aguenta muito tempo no cargo?

Opine!


Em jogo sonolento, Corinthians dorme no ponto e é derrotado pelo “poderoso” Luverdense, o “Tolima do Mato Grosso”! Cruzeiro sai na frente do Fla e Flu bate o Goiás!
Comentários COMENTE

Milton Neves

Vai cantando vitória antes da hora, vai, Corinthians…

Bem feito!

Pela Copa do Brasil, o Timão foi até Mato Grosso num salto alto danado, e levou o que merecia do esforçado time do Luverdense.

Verdade que o gol da equipe da casa contou com uma “ajudinha” do apito.

Mas a equipe históricamente mais ajudada pela arbitragem mundial não tem do que reclamar, não é verdade?

E agora o Luverdense já foi apelidado pelo maldoso Mauro Beting de “Tolima do Mato Grosso”.

Calma, Maurinho… Ainda tem o jogo de volta.

Mas, mesmo jogando no Pacaembu, o Timão não terá vida fácil, já que não conseguiu marcar gols fora de casa.

Não sei não, mas esse apático time do Corinthians, mesmo contando com tantos bons jogadores, deve mesmo ficar fora da Libertadores do ano que vem, hein?

Já no Mineirão, o Cruzeiro saiu na frente do Flamengo: 2 a 1.

Sendo que o segundo gol da Raposa, marcado por Everton Ribeiro, foi uma verdadeira pintura. O gol mais bonito do ano!!!

No embate entre Goiás e Flu, melhor para os cariocas, que venceram por 1 a 0, contando com uma atuação histórica de Diego Cavalieri, que fechou o gol!

Nos jogos das 19h30, o Palmeiras bateu o Atlético-PR por 1 a 0, e o Santos venceu o Grêmio, com o mesmo placar.

Opine!