publicidade

Blog do Milton Neves

Copa São Paulo, que já revelou craques como Falcão e Kaká, verá nascer outros astros em 2017? E o Verdão? Continuará sem Copinha?

Milton Neves

Flamengo x Corinthians UOL

Foto: UOL

Começou a 48ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

O torneio, que teve seu pontapé inicial em 1969 (o Corinthians foi o campeão), revelou grandes jogadores.

Alguns craques que fizeram história pelo futebol brasileiro e mundial, como Falcão, Dener, Toninho Cerezo, Raí, Dida e Kaká, entre outros.

Ah, falando em Dener… Que pena sua morte precoce.

Espécie de Neymar do começo dos anos 90.

No ano passado os holofotes estavam voltados para Gabriel Jesus. E o menino palmeirense “vingou”.

“Vingou” e já “bateu asas”…

Verdade seja dita, a “Copinha”, como é carinhosamente chamada, se agigantou em número de participantes, coadjuvantes em sua retumbante maioria, mas acaba sendo bacana observar aquela garotada vindo de lugares distantes com o sonho na cabeça e o coração na ponta da chuteira.

Já se foi o tempo dos “olheiros”.

Muitos meninos são empresariados, há multas rescisórias milionárias e não será surpresa se alguma revelação fizer ponte-aérea direto daqui para a Europa ou a China…

Bom, falando em conquistas, amplo domínio do Corinthians, com nove títulos.

Depois, estão Fluminense (com cinco) e Inter (com quatro).

Três times ganharam por três vezes: São Paulo, Santos e Atlético-MG.

E o Palmeiras… Bom, o Verdão persegue sua primeira conquista na Copa São Paulo.

Ontem, diante do Paranoá, do Distrito Federal, foi um sufoco… Perdia por 2 a 1 e virou para 3 a 2 marcando nos dois minutos finais…

Nesta entressafra futebolística, a Copinha preenche, muito bem, diga-se de passagem, a falta que faz um torneio bem disputado.

Aliás, disputado no melhor formato de todos: o “mata-mata”.

No ano passado foi o Flamengo que levantou o caneco e o Timão ficou com o vice.

Em 25 de janeiro de 2017, aniversário da cidade de São Paulo, acontece a final.

Será que o Timão, maior campeão do torneio, ampliará sua vantagem e começará o ano com o pé direito em um ano em que os profissionais parece que terão muitas dificuldades?

Será que o Palmeiras finalmente vai ganhar sua primeira Copinha?

Por fim, será que surgirá outro super astro na edição de 2017, capaz de entrar para a galeria dos grandes craques de sua história?

OPINE!!!