publicidade

Blog do Milton Neves

“Macumba francesa” não funciona e Portugal, sem Cristiano Ronaldo, é campeão da Eurocopa!

Milton Neves

Portugal

“La Marselleise” é uma coisa espetacular. Um dos hinos mais lindos do mundo, diferente do que foi parte da arbitragem do inglês Mark Clattenburg.

O jogo começou de maneira esplendida, lá e cá, mas com um perigo maior por parte dos franceses e com Rui Patrício fazendo boas defesas pelo lado lusitano.

Até que a entrada duríssima de Payet sobre Cristiano Ronaldo dividiu a partida em dois momentos. O craque não suportou a dor, foi substituído e nem sequer um “cartãozinho amarelo” o juiz deu ao “agressor”.

A França no coice fez hoje com Cristiano Ronaldo, o que os “cavalos” Morais e Batista de Portugal fizeram com Pelé em Liverpool na Copa de 66!

As lágrimas que escorreram pelo rosto do “camisa 7” português, até pareciam litros de água, já que derramavam juntas com a da esperançosa torcida ali presente no Stade de France.

E assim como na primeira etapa, o árbitro insistiu em não amarelar os franceses na troca dos lados.

Ahhh se fosse nas competições sul-americanas…

Porém, mesmo sem seu ídolo máximo, que joga um pouco menos que o eterno Eusébio, Portugal não “afrouxou as rédeas” e se virou como pôde.

Lá atrás, Rui Patrício fez milagres, um gigante no gol contra o poderoso ataque francês que insistiu demais em abrir o marcador, não muito diferente do rival, que soube ser perigoso da mesma forma em doses menores.

Do início ao fim o duelo foi digno de uma final de Eurocopa.

E mais uma vez, tudo foi decidido nos detalhes. Por um capricho a bola de Gignac não entrou aos 46 minutos.

Na prorrogação, quando os pênaltis pareciam certo, Éder recebeu sozinho e sem saber o que fazer com bola, resolveu chutar e arriscou bem, fez o gol do título.

Nem a “macumba francesa” que liquidou os dois Ronaldos em duas decisões em Saint Denis funcionou: Ronaldo Fenômeno em 98 por convulsão e CR7 hoje na “porrada”.

Mas eu bem que avisei, cravei a vitória de Portugal. Mais uma pra conta do “Pai Milton”, que acertou o resultado em outra previsão (confira no vídeo abaixo).

Pelo Campeonato Brasileiro:

São Paulo 3 x 0 América-MG

Mesmo com os reservas, o Tricolor jogou bem e fez a lição de casa sob os olhares atentos da pouca torcida organizada que compareceu ao estádio.

Kardec marcou dois e foi decisivo no duelo, que teve outro grande personagem, o zagueiro Lyanco, dono de um golaço.

E se o São Paulo ganha confiança, falta ao Coelho, que amarga a última colocação e insiste em não deixá-la.

Santa Cruz 1 x 0 Internacional

Sem Grafite, o Santinha apostou na velocidade e usou a bola parada para superar o Colorado.

Nem mesmo a nova contratação, o argentino Ariel, conseguiu o empate para o Inter, que perde mais uma partida e seu técnico, demitido horas mais tarde.

E se houve falhas pelo lado gaúcho, sobrou sorte e superação ao Santa Cruz, que tenta se reabilitar no Brasileirão.

Vitória 0 x 0 Fluminense

A partida foi bastante movimentada e merecia pelo menos um “golzinho”, algo que não aconteceu.

Ambos ficaram devendo, mas não por causa de deficiência dos ataques. É que os goleiros fizeram a sua parte e foram muito bem.

Só que mesmo com um ponto para cada lado, a pressão não alivia para ninguém.

OPINE!!!