publicidade

Blog do Milton Neves

Apito, sorte, incompetência de Aguirre e estrela de Maicon classificam o Tricolor para a próxima fase da Libertadores! E “torcer para o São Paulo é uma grande moleza” está voltando, hein?

Milton Neves

bauza charge atletico

Atlético-MG 2 x 1 São Paulo

Tecnicamente, o jogo pode não ter sido grandes coisas.

Mas não é exagero dizer que Atlético-MG e São Paulo fizeram no Horto o duelo mais emocionante e eletrizante da temporada.

Principalmente no primeiro tempo, que teve um show de gols, de bolas na trave e de lambanças dos goleiros Denis e Victor.

No fim das contas, a vaga ficou com o Tricolor paulista por conta do ridículo critério de desempate (o time paulista balançou as redes fora de casa).

Mas, além disso, cito quatro motivos que fizeram o São Paulo eliminar o Atlético da Libertadores: o apito, a sorte, a incompetência de Aguirre e a estrela do zagueiro Maicon.

– Primeiro: o apito foi MUITO amigo do Tricolor no Horto.

Afinal, na etapa inicial, Hudson fez pênalti claríssimo em Leonardo Silva e o árbitro nada marcou.

Uma vergonha…

– Segundo: o Tricolor deu muita sorte ao balançar as redes logo após levar os dois gols do Galo.

Se não tivesse diminuído, corria sério risco de levar cinco ou seis tentos do Maior de Minas.

– Terceiro: como pode Aguirre seguir como técnico do Atlético-MG?

Ele não tirou o machucado Carlos ainda no primeiro tempo, insistiu em Patric até a metade da etapa final e só colocou Dátolo em campo faltando cinco minutos para o fim do duelo.

É mole?

– Quarto: o São Paulo mirou em Lugano e acertou em cheio em Maicon.

Além de ser o melhor zagueiro brasileiro na atualidade (olho nele, Dunga), o defensor ainda foi o autor do gol que garantiu a classificação do Tricolor para as semifinais da Libertadores.

Que estrela!

O clube do Morumbi tem a obrigação de contratar em definitivo o jogador, não acham?

Mas é isso, meus amigos.

Ao Galo, que tanto insistiu em Aguirre, sobra encontrar um novo treinador (já me disseram que Marcelo Oliveira vem aí!) e lutar pelo Brasileirão, título que não vai para o Maior de Minas desde 1971.

Já o São Paulo, que aos trancos e barrancos tem avançado, já começa a preparar um espaço em sua sala de troféus para o quarto “caneco” da Libertadores.

Afinal, se não caiu para o forte Galo, vai cair para quem?

Mas precisa correr atrás de um goleiro mais seguro para o restante da competição!

E está voltando o “torcer para o São Paulo é uma grande moleza”, concordam?

Flamengo 1 x 2 Fortaleza

Mas quem fez feio mesmo foi o Flamengo.

Jogando em casa, o Rubro-Negro perdeu novamente para o Fortaleza e está eliminado da Copa do Brasil!

E o senhor Guerrero, hein?

Bom, pelo menos ele não mentiu: no Brasil, só joga no Corinthians!

E, do jeito que a coisa anda pelos lados da Gávea, é bom Muricy “puxar o carro” o quanto antes e cuidar de sua saúde.

Seguir na equipe carioca só vai piorar sua situação!

Vasco 1 x 1 CRB

E o Vasco, um dos maiores rivais do Flamengo, também quase deixou a Copa do Brasil nesta noite.

Só conseguiu a classificação diante do CRB nos acréscimos, com gol de Rafael Vaz.

Mas será que o Cruzmaltino irá longe na competição?

Opine!

Compartilhe: