publicidade

Blog do Milton Neves

De virada, SPFC vence a Ponte Preta. Na estreia de Dagoberto, Vasco faz cinco. Galo massacra URT e Inter bate o Brasil de Pelotas

Milton Neves

2

São Paulo x Ponte Preta

A Ponte Preta começou partindo para cima e logo aos nove minutos de jogo, em uma falha da defesa do São Paulo, a Macaca abriu o placar com Roni, jogador que tem vínculo com o Tricolor.

Poucos minutos depois, Rodinei quase marcou novamente para a Ponte Preta. E a Macaca ainda mandou uma bola no travessão de Rogério Ceni, em um ótimo chute de Bruno Silva.

O fraco São Paulo de hoje ainda sararicou uma bola ou outra, mas a primeira etapa terminou com a Ponte Preta dominando o jogo.

Nos primeiros 15 minutos do segundo tempo a Ponte Preta perdeu três gols. O São Paulo atacou mal e a Macaca fez boas jogadas nos contra-ataques, mas não foi eficiente ao finalizar.

E aí vem aquela velha máxima do futebol que o Mauro Beting criou, quem não faz toma. Aos 20 minutos o zagueiro Paulo Miranda deu uma de centro-avante e empatou o jogo.

E a Ponte continuou perdendo gols…

Não deu outra, a camisa do São Paulo pesou e Alan Kardec marcou o gol da vitória Tricolor.

No final da partida a torcida da Ponte pediu pênalti, alegando que Kardec colou a mão na bola, mas não foi nada.

Apesar de jogar com o time reserva, o São Paulo não mostrou vontade. Quarta-feira o espirito precisa ser outro, caso o Tricolor queira passar de fase na Libertadores.

Palmeiras x XV de Piracicaba

O Palmeiras começou com a corda toda e pressionou o XV com Dudu, Robinho, Cristaldo e alguns outros jogadores que tentaram marcar o gol, mas o time de Piracicaba não cedeu o segurou o 0 x 0 na primeira etapa.

O segundo tempo não começou diferente. O Palmeiras criando algumas jogadas, mas na hora do último passe e da finalização, errava muito.

Promessa da base, Gabriel Jesus entrou e logo conseguiu uma expulsão do time adversário. Tony deu carrinho no garoto do Verdão e levou o segundo cartão amarelo.

Com um jogador a mais, o Palmeiras se lançou ao ataque e o XV recuou mais ainda, trocando os três atacantes por defensores.

Não teve jeito, com o Verdão todo lançado ao ataque, o gol saiu. Zé Roberto cobrou escanteio e o meio-campista Gabriel acertou um belo chute no canto direito do goleiro Roberto.

Com o placar aberto, o jogo ficou mais fácil para o Palmeiras, que criou mais algumas jogadas de perigo. Mas a partida acabou com um magro 1 x 0.

Outros estaduais:

Vasco x Nova Iguaçu

O torcedor do Vasco compareceu ao estádio para ver a estreia do atacante Dagoberto e ele não decepcionou, marcou um gol na primeira etapa, além dele o também jogador de área, Gilberto, o volante Serginho e o zagueiro Luan deixaram sua marca. Marlon descontou para o Nova Iguaçu.

No segundo tempo Gilberto deu lugar a Thalles, que entrou e marcou o quinto gol do Vasco.

Atlético-MG x URT

Com a cabeça na Libertadores, o Galo recebeu o URT e Luan marcou o único gol da primeira etapa. O talismã do Atlético e o argentino Lucas Pratto mostraram que estão entrosados.

No segundo tempo Marcos Rochas, Lucas Pratto e Dudu (contra) marcaram e sacramentaram a vitória do Galo Mais Lindo do Mundo. Este resultado vai dar moral para o time dar a volta por cima na Libertadores. #EuAacredito!

Brasil de Pelotas x Internacional

O Inter é outro que está focado na Libertadores, mas hoje visitou o Brasil de Pelotas. Em um jogo pegado, Valdivia marcou o único gol do primeiro tempo.

No segundo tempo o Colorado marcou o segundo gol aos 48 minutos com Taiberson e venceu a partida.

Mais tarde:

Macaé 1 x 0 Fluminense: O Flu até tentou, mas o meio-campista Juninho marcou um belo gol de falta e garantiu a vitória do Macaé.

Botafogo 3 x 0 Resende: Tássio, Jobson e Rodrigo Pimpão marcaram e garantiram a goleada do Fogão.

São Bernardo 0 x 1 Rio Claro.

Ituano 1 x 2 Audax-SP.

Opine!

Compartilhe: