publicidade

Blog do Milton Neves

Corinthians: cavalo paraguaio ou um dos grandes favoritos ao título da Libertadores? Afinal, o que devemos esperar do Timão na fase decisiva do torneio continental?

Cavalo-PAR

Há menos de um mês, muitos, inclusive eu, colocavam o Corinthians como o melhor time do Brasil e como o grande favorito para vencer a Copa Libertadores da América.

Alguns, inclusive, tanto se encantaram com o início avassalador de temporada da equipe de Tite que disseram que o Timão poderia estar disputando as semifinais da Liga dos Campeões da Europa, ao lado do Barça de Messi, do Real de Cristiano Ronaldo, do Bayern de Guardiola e da Juventus de Tévez.

Mas como o futebol é dinâmico, né?

Bastaram dois duros golpes na semana passada, um aplicado pelo Palmeiras, no Paulistão, e o outro pelo São Paulo, na Libertadores, que as opiniões mudaram drasticamente.

Agora, grande parte da crônica esportiva e dos torcedores rivais já desdenham do Timão, o chamando até de “cavalo paraguaio”.

Mas, afinal, o que levou o Corinthians a ter uma queda de rendimento tão brusca?

O desgaste do grupo?

Os adversários decifrando o esquema de Tite?

Ou a terrível dengue que tirou de combate Guerrero, peça-chave do Alvinegro?

E agora, qual Corinthians irá disputar a fase decisiva da Libertadores: aquele que encantou a todos no início da temporada, ou o Timão que empacou diante do Palmeiras e do São Paulo?

Opine!

Compartilhe:

[COMENTE] Comentários


Com bela ajuda do apito, Palmeiras consegue vantagem diante do valente Santos na final do Paulistão! Mas a história será diferente na Vila, hein? No Mineirão, Galo e Caldense ficam no zero; e Vasco bate o Fogão com gol nos acréscimos!

apito pal,meirese

Palmeiras 1 x 0 Santos

A arbitragem brasileira não se cansa de aprontar!

Afinal, que atuação DESASTROSA a de Vinicius Furlan no primeiro jogo da final do Paulistão, entre Palmeiras e Santos.

No lance do gol palmeirense, Robinho, claramente impedido, participa da jogada que terminou com Leandro Pereira completando para as redes do goleiro Vladimir.

Mas não parou por aí.

No início da etapa complementar, Furlan assinalou pênalti para o Verdão e ainda expulsou o zagueiro santista Paulo Ricardo, que vinha muito bem no jogo.

Neste caso, o árbitro até que acertou ao mostrar cartão vermelho para o defensor, mas a infração ocorreu MUITO longe da área.

Sorte do “Homem de Preto” que Dudu, aquele jogador disputadíssimo no início do ano pelo Trio de Ferro, isolou a cobrança.

Mas, para falar a verdade, mesmo sendo completamente atrapalhado pelo juiz, o Santos jogou muito bem na etapa complementar do duelo.

Inclusive, mesmo com 10 em campo, merecia muito mais fazer o gol de empate do que o Palmeiras ampliar o marcador.

Enfim, agora, na Vila, a história será bem diferente.

O Verdão, com uma boa ajuda do apito, teve uma chance de ouro de liquidar a fatura.

Como não o fez, na semana que vem, o troféu do Paulistão deverá mesmo ficar na Baixada Santista.

Ainda mais se a arbitragem não interferir e Robinho, o verdadeiro, jogar, né?

Atlético-MG 0 x 0 Caldense

Já na final do Campeonato Mineiro, Atlético e Caldense não saíram do zero no estádio do Mineirão.

Agora, no jogo de volta, o time de Poços de Caldas pode até empatar para ficar com o título mineiro de 2015.

Mas, vocês conhecem o Galo, né?

Para quem já operou milagres complicadíssimos, essa decisão é brincadeira de criança.

Vasco 1 x 0 Botafogo

Na decisão do Carioca, o Vasco saiu na frente do Botafogo: 1 a 0.

E o gol cruzmaltino aconteceu no finalzinho da partida, aos 46 minutos da etapa complementar, com Rafael Silva.

Agora, o Gigante da Colina precisa de um empate para voltar a comemorar um título carioca, o que não acontece desde 2003.

Outros resultados pelo país:

Baiano: Vitória da Conquista 3 x 0 Bahia – Mas, podem ficar tranquilos, tricolores. O Bahia conseguirá a virada sobre o Vitória genérico que, claro, assim como o original, só pode ficar com o vice.

Cearense: Fortaleza 2 x 1 Ceará – O Fortaleza é craque em iludir a sua torcida. Afinal, está na cara que o Vozão dará a volta por cima no duelo de volta!

Gaúcho: Grêmio 0 x 0 Internacional – Ah, não! É sério que o Gre-Nal terminou empatado? Que novidade…

Paranaense: Operário 2 x 0 Coritiba – Ficou difícil a situação do Coxa, hein?

Opine!

Compartilhe:

[COMENTE] Comentários


Cuidado com a história da bola, meninada!

ademir-ed-blog

Li, vi e ouvi, até na TV grandona, que depois de 56 anos Santos e Palmeiras voltarão a decidir um Campeonato Paulista “reeditando aquele extraordinário duelo de 1959 entre Pelé e… Ademir da Guia”!?!?!

Meu Deus do céu, foi muito forte!

Em 1959 e 1960 o Palmeiras tinha Zequinha e Chinesinho no meio-campo com Ademir da Guia sendo à época apenas uma promessa como médio-volante do Botafogo e depois do Bangu.

Basta ver em meu “Que Fim Levou?” do terceirotempo.com.br, as fotos de Ademir da Guia, de pé, nos juvenis do Fogão e depois no time de Moça Bonita.

E quando veio para o Palmeiras, em agosto de 1961, ele chegou a ser reserva de Hélio Burini e também posou de pé nas fotos do Verdão.

Gente, o Rei e o Divino passaram a se enfrentar para valer só em 1962 e, principalmente, em 1963, com o palmeirense sendo o campeão paulista em seu segundo ano em São Paulo.

1963 foi um ano de um Santos cansado pelas batalhas contra Boca Juniors e Milan nas terríveis e difíceis decisões pelo bi da Libertadores e do Mundial.

Assim, em 1959, com a decisão do Supercampeonato Paulista sendo disputada, depois de dois empates, já em 1960, no dia 10 de janeiro, quando Ademir da Guia “não existia” no Parque Antártica.

Pelé fez 1 a 0, Julinho empatou e Romeiro, cobrando falta que não ocorreu – vi muito bem no Canal 100 da TV Manchete que apresentei em 1994 -, decidiu o ” Super Paulistão-1959″.

Aliás, naquele programa ao lado também de Luís Pereira, Ademir da Guia e Julinho Botelho (vejam fotos nas páginas deles também em “Que Fim Levou?”), Romeiro viu seu gol e… chorou!

Ao se recuperar, disse: “chorei porque esta é a primeira vez que vejo bem esse meu gol. Chutei, tinha gente na frente, não vi nada, a bola entrou lá no gol do Laércio e todo mundo pulou em cima de mim. Não vi o gol e depois do jogo fui para o Rio de Kombi com 10 amigos que vieram ver a final, comemoramos lá por semanas, não havia tape na TV e só hoje vi esse gol histórico”, explicou, deixando-nos boquiabertos no estúdio.

E insisto: vejam no “Que Fim Levou?” as fotos do programa nas páginas de Romeiro e dos citados jogadores acima e matem saudades.

E teve mais, com Julinho Botelho falando: “E o meu gol, fora da minha ponta, o do empate, vi bem agora, foi belo presente do zagueiro Getúlio”, brincou o doce camisa 7 que pediu, por telegrama, direto de Florença, para não ser convocado pela CBD para a Copa de 1958 “porque seria uma injustiça com esse menino aí, o Garrincha”.

Que coisa, hein?

Hoje, como em concurso de miss, jogador de bola, se puder, “até mata” um rival da posição para ir para uma Copa do Mundo no lugar dele.

Mas, enfim, por que o Palmeiras de Valdir Joaquim de Moraes (o único campeão de 1959 que está vivo), Djalma Santos, Valdemar Carabina, Aldemar, Geraldo Scotto, Zequinha, Chinesinho, Julinho, Nardo, Américo Murolo, Romeiro e Oswaldo Brandão, foi “super” campeão paulista de 1959?

É que, antigamente, quando dois ou três times terminavam empatados após os dois turnos em pontos corridos e perdidos (um por empate e dois por derrota), a decisão extra era a chamada “super”.

E também por isso o Campeonato Carioca de 1958 foi chamado de “Super-Super” porque o Vasco de Gradim, o campeão, Botafogo e Flamengo protagonizaram um incrível triplo empate ao final da etapa de classificação.

Na primeira decisão a três, persistiu a indefinição.

Aí, na segunda, diante do Flamengo, deu Vasco de Miguel, Paulinho (quebrou a perna no jogo) e Bellini; Écio, Orlando e Coronel; Sabará, Waldemar, Almir, Roberto Pinto e Pinga.

150 mil pessoas viram o jogo quase no dia em que lá em Cuba Fidel Castro e Che Guevara goleavam Fulgencio Batista.

E o Vascão foi assim “Super-Super” campeão carioca de 1958, devido à duas decisões extras.

E agora, em 2015, que ninguém mais invente “fatos extras” e que não fale mais ou escreva que “56 anos depois Pelé e Ademir da Guia (sic) voltarão a decidir um Campeonato Paulista”.

Ora…
A história grita e se revolta, meninada!

Imagem: Túlio Nassif/Portal TT

Compartilhe:

[COMENTE] Comentários


Bolão do Miltão: Peixe ganha do Verdão e coloca uma mão na taça! Empates nos duelos do Carioca e do Gaúcho. Galo goleia no Mineiro!

 

Bolao GIF 600

Palmeiras 1 x 2 Santos. Depois de eliminar o Timão, o Alviverde perde os dois jogos para o Santos na decisão do Paulistão! Assim, o time da Vila coloca uma mão na taça! Palmeiras 1 x 0 Santos.

Vasco 1 x 1 Botafogo. O Vasco empata o primeiro jogo. Tá com cara de que será vice… Vasco 1 x 0 Botafogo.

Grêmio 2 x 2 Internacional. Quase sempre o Gre-Nal termina empatado… Não será diferente neste domingo na Arena do Grêmio… Grêmio 0 x 0 Internacional.

Atlético-MG 3 x 1 Caldense. O Galo, que mais uma vez contou com a Massa maravilhosa na Libertadores, começa a decisão do Mineiro arrasando! Atlético-MG 0 x 0 Caldense.

Fortaleza 0 x 3 Ceará. O Vozão é sempre favorito! Fortaleza 2 x 1 Ceará.

Sport 0 x 1 Salgueiro. Golzinho no final, vitória do Salgueiro! Sport 1 x 1 Salgueiro.

Central 2 x 3 Santa Cruz. Jogão e vitória do Santa! Central 0 x 2 Santa Cruz.

Vitória da Conquista 0 x 4 Bahia. Dois gols em cada tempo! Vitória linda do Bahia! Vitória da Conquista 3 x 0 Bahia.

Nacional-PR 1 x 0 Rio Branco-PR. Jogo amarrado até o final, aí o Nacional marca. Nacional-PR 1 x 0 Rio Branco-PR.

Operário-PR 1 x 2 Coritiba. De virada, vitória do Coxa! Operário-PR 2 x 0 Coritiba.

COLOQUE SEU E-MAIL NA MENSAGEM PARA CONTATO, OK?

Os palpites postados serão válidos até às 16h (horário de Brasília) deste sábado (25/04/2015).

Apenas um prognóstico por participante, um único IP, ok?. Aqueles que enviarem mais de um prognóstico não serão considerados. Favor escrever os nomes dos times do jeito que eu fiz, pois fica fácil na hora de conferir. Portanto, não valerão palpites com abreviaturas, apelidos e sem acentos. Em caso de empate, o vencedor será definido por sorteio.

E o felizardo (ou felizarda) vai receber em casa um par de calçado Rafarillo (não necessariamente igual aos das fotos abaixo), pois a remessa depende dos modelos disponíveis no estoque do fabricante, OK?

Rafarillo garota

loira 1

Fotos: Marcos Júnior/Portal Terceiro Tempo

Compartilhe:

[COMENTE] Comentários


O apito amigo, quem diria, opera o Corinthians e classifica o São Paulo na Libertadores! Ou será que o Timão fez corpo mole para não enfrentar o Galo nas oitavas? Atlético e Inter também avançam e se enfrentam na próxima fase!

milton cru

São Paulo 2 x 0 Corinthians

E não é que o feitiço pode virar contra o feiticeiro?

Afinal, quem poderia imaginar que o apito amigo fosse capaz de operar com tanta crueldade o seu inventor, o Sport Club Corinthians Paulista?

Que horrenda a arbitragem de Sandro Meira Ricci no Majestoso disputado na noite desta quarta-feira no Morumbi.

Deu um empurrãozinho fundamental para a classificação do São Paulo para as oitavas de final da Libertadores da América.

Afinal, Emerson Sheik merecia, no máximo, um cartãozinho amarelo pelo totó dado no calcanhar de Toloi.

O mesmo serve para Mendonza, que nem acertou Luis Fabiano, que também acabou expulso (ele, com certa justiça).

Mas a verdade é que Sandro Meira Ricci, além de tudo, estragou um grande clássico no Morumbi.

Um pena!

Mas tem gente dizendo também que o Corinthians teria perdido de propósito para pegar o fraco Guaraní, do Paraguai, na próxima fase, escapando assim do fortíssimo Atlético-MG!

Como o pessoal é maldoso, né?

E enquanto o Timão pega uma “baba” nas oitavas, o São Paulo enfrenta nada menos que o Cruzeiro, atual bicampeão brasileiro.

Que parada dura, não?

Atlético-MG 2 x 0 Colo-Colo

Será que ainda existe alguém que duvide do Atlético-MG?

Nesta noite, no estádio Independência, de tantos milagres atleticanos, o Galo conseguiu operar mais um ao vencer o competente time do Colo-Colo por 2 a 0, exatamente o que precisava para avançar às oitavas da Libertadores.

Mas o jogo, como não poderia deixar de ser com o Maior de Minas em campo, não foi NADA tranquilo.

O Galo abriu o placar com Lucas Pratto no começo da partida.

Na etapa complementar, o segundo tento atleticano teimava em não sair, até que o árbitro marcou uma penalidade máxima para o time da casa.

Mas Guilherme acabou batendo mal e o goleiro Garcés defendeu a cobrança.

Aí, quando parecia que a vaca ia mesmo para o brejo, Rafael Carioca acertou um lindo chute de fora da área para ampliar o placar e para classificar o Atlético!

Espetacular!

Agora, na próxima fase, o Galo enfrenta o Inter, que também venceu a sua partida em casa e também avançou para as oitavas.

Promessa de um verdadeiro jogaço!

Abaixo, veja como ficaram os confrontos da fase oitavas de final da Libertadores:

River Plate x Boca Juniors

São Paulo x Cruzeiro

Guaraní-PAR x Corinthians

Montevideo x Racing

Universitario Sucre x Tigres-MEX

Internacional x Atlético-MG

Atlético Nacional x Emelec

Santa Fé x Estudiantes

E aí, quais times vão se classificar para as quartas de final?

Opine!

Compartilhe:

[COMENTE] Comentários


Bolão do Miltão: São Paulo perde para o Timão e dá adeus à Libertadores… Galo e Inter se classificam.

 

Bolao GIF 600

São Paulo 0 x 2 Corinthians. O Tricolor não ganha do Timão no Morumbi desde 2007… E a escrita será mantida nesta noite, decretando a eliminação são-paulina logo na primeira fase da Libertadores. Clique aqui e veja como era o mundo quando o São Paulo venceu o Corinthians pela última vez… Faz tempo, hein? São Paulo 2 x 1 Corinthians.

San Lorenzo 5 x 0 Danubio. O time do Papa faz a lição de casa e fica com a vaga cobiçada pelo São Paulo. San Lorenzo 0 x 1 Danubio.

Internacional-RS 2 x 0 The Strongest. O Colorado começou a engrenar e segue firme na Libertadores. Internacional 1 x 0 The Strongest

Atlético-MG 3 x 0 Colo-Colo. O Galo precisa de dois gols de diferença para se classificar. Faz um a mais e passa! Atlético-MG 2 x 0 Colo-Colo.

Salgueiro 1 x 1 Flamengo. (Copa do Brasil). Abatido pela desclassificação no Carioca, o Mengão só empata no interior pernambucano. Salgueiro 0 x 2 Flamengo

Ituano 2 x 2 Portuguesa (Copa do Brasil). Até que esses dois gols fora serão bons para a Lusa. A questão é não perder depois…

Bragantino 1 x 2 Criciúma (Copa do Brasil). O Tigrão fatura de virada!

Bahia 3 x 3 Ceará (Copa do Nordeste). Nossa, que jogo lindo entre os queridos Bahia e Vozão! Bahia 0 x 1 Ceará.

Monaco 1 x 2 Juventus. (Liga dos Campeões). Gosto mesmo é do Juventus da Mooca! De qualquer forma a Velha Senhora segue na Liga dos Campeões. Monaco 0 x 0 Juventus.

Real Madrid 3 x 2 Atlético de Madri (Liga dos Campeões). Será no sufoco, mas os merengues seguem firmes… Reald Madrid 1 x 0 Atlético de Madri.

COLOQUE SEU E-MAIL NA MENSAGEM PARA CONTATO, OK?

Os palpites postados serão válidos até às 15h45 (horário de Brasília) desta quarta-feira (22/04/2015).

Apenas um prognóstico por participante, um único IP, ok?. Aqueles que enviarem mais de um prognóstico não serão considerados. Favor escrever os nomes dos times do jeito que eu fiz, pois fica fácil na hora de conferir. Portanto, não valerão palpites com abreviaturas, apelidos e sem acentos. Em caso de empate, o vencedor será definido por sorteio.

E o felizardo (ou felizarda) vai receber em casa um par de calçado Rafarillo (não necessariamente igual aos das fotos abaixo), pois a remessa depende dos modelos disponíveis no estoque do fabricante, OK?

Rafarillo garota

loira 1

Fotos: Marcos Júnior/Portal Terceiro Tempo

Compartilhe:

[COMENTE] Comentários


Barça vence facilmente o PSG com Neymar como protagonista! E, agora, cadê aqueles que o chamavam de “Neymarketing” e que diziam que ele seria um fracasso na Europa, hein? O Porto bem que tentou, mas não conseguiu igualar o feito de Felipão diante dos alemães!

mundodeportivo

Barcelona 2 x 0 PSG

No Camp Nou, deu o óbvio: O Barcelona, com muita facilidade, bateu o PSG e avançou para a semifinal da Liga dos Campeões da Europa.

E o protagonista do jogo foi Neymar, autor dos dois gols da partida.

O menino-craque, doado pelo Santos ao Barça, segue encantando ao mundo (como bem mostra a capa do jornal espanhol Mundo Deportivo, reproduzida acima) com a sua magia e seu faro de gols.

Neymar que despontou para o futebol mais ou menos na mesma época em que o Twitter começou a ganhar a internet mundial.

Naquela época, lembro bem, muitos dos usuários da rede social adoravam chamar a então revelação santista de “Neymarketing”.

Ou então, passavam o dia dizendo que o garoto não conseguiria nem esquentar o banco na Europa.

E o pior que não era só torcedor, não.

Tinha muito jornalista também que engrossava esse patético coro.

E agora, o que será que esses infelizes têm a dizer sobre o desempenho de Neymar no Barcelona, hein?

E isso que, para mim, o menino-craque ainda não mostrou nem 40% de todo o seu talento!

Esqueça os esganados que fizeram da sua transferência para a Espanha a mais nebulosa da história do futebol e siga voando, Ney!

Bayern de Munique 6 x 1 Porto

E o Porto se esforçou, mas não conseguiu igualar os “felipônicos” 7 a 1 do Brasil na Copa do Mundo de 2014.

A equipe portuguesa, que tinha vencido em casa por 3 a 1, levou uma boa sapecada do Bayern de Munique, de Guardiola, na Alemanha: 6 a 1.

Agora, assim como o Barça, o time alemão também avança para as semifinais da Liga dos Campeões da Europa.

Opine!

Compartilhe:

[COMENTE] Comentários


Em jogo eletrizante, Palmeiras vence o Corinthians nos pênaltis e está na final do Paulista com o Santos, que eliminou o São Paulo. Mata-mata é demais!

46 red

Nada como um bom “mata-mata”!

Estádio cheio, comentários antes, durante e depois do jogo…

Efervescência, eletricidade no ar…

Quase 40 mil torcedores e mais de R$ 3 milhões de renda.

No tempo normal, em Itaquera, Corinthians 2 x 2 Palmeiras. Nos pênaltis, vitória do Verdão, 6 a 5.

O Corinthians começou meio esquisito, sentindo as ausências de Elias e Renato Augusto (poupados) e Guerrero, e parecia que a vaca iria para o brejo… Renato Augusto entrou no segundo tempo, no lugar de Jadson e Elias no lugar de Vágner Love.

Victor Ramos abriu o placar aos 13 do primeiro tempo e 20 minutos depois Danilo empatou. Sempre Danilo!

O caipira Danilo, com seu jeitão pacato, se transforma em um monstro nas partidas decisivas.

A primeira etapa caminhava para terminar em igualdade, mas Mendoza arriscou de fora da área, aos 44.

E quem não arrisca não petisca, não é mesmo!

E ele acertou um tiro rasante no canto esquerdo de Fernando Prass. Golaço ou falha do goleirão alviverde?

Verdade é que os becões deixaram o colombiano chutar do jeito que quis.

Fico, então, para golaço colaborativo…

Jogo franco no segundo tempo, e o Palmeiras que já havia mandado uma bola trave, chegou ao empate com Rafael Marques, aos 29.

Decisão nos pênaltis, a primeira do Timão em sua nova casa.

E deu Palmeiras, 6 a 5.

Jogo para ficar na história do dérbi. Ganhar dentro do estádio corintiano foi espetacular.

Paulo Nobre, que teve uma primeira gestão nota 4,25, vai bem em seu segundo mandato.

E Vágner Love, hein?

Com ele o Timão joga com 10…

Mais uma atuação apagadíssima, ainda perdeu um gol feito.

Se meu vizinho Guerrero não voltar logo serão complicados os próximos desafios alvinegros na Libertadores.

Quanto ao Palmeiras, a força do time está na torcida e em sua linda arena, sobretudo.

O Verdão é hoje 5,97 na bola, 9,79 no “Sócio-Torcedor” e 10,00 em estádio.

Mas a valentia do time impressionou.

A garra e a jovialidade venceu a experiência e o cansaço (preocupantes) do Corinthians.

Não foi o caso de Valdivia,  que é acima da média mas não fez aquilo que normalmente os jogadores acima da média fazem, que é desequilibrar.

Tão eclipsado quanto Vagner Love, o chileno (substituído por Gabriel Jesus aos 24 do segundo tempo)  não poderá mostrar esse jogo aos dirigentes do Palmeiras para tentar renovar seu contrato…

Agora o Verdão enfrenta o Santos, que venceu o São Paulo.

Santos 2 x 1 São Paulo.

No outro jogo da semifinal paulista, deu a lógica.

Na Vila, com tranquilidade, o Peixe fez um gol em cada tempo (Geuvânio e Ricardo Oliveira).

Geuvânio fez uma fila, golaço, contando com a apatia dos tricolores.

O gol de Ricardo Oliveira nasceu de uma tabelinha com Chiquinho. Parecia gol no sítio, depois da churrascada, e os beques não conseguindo dar mais um passo, com o risco de caírem duros, vítimas de congestão…

O Santos recuou muito no final e abriu a possibilidade do São Paulo diminuir. E foi o que aconteceu aos 41, com Luis Fabiano.

O São Paulo até pode se classificar na próxima quarta-feira na Libertadores, contra o já assegurado Corinthians.

Mas, com esse futebol, não vai longe no torneio sul-americano e terá missão complicada no Brasileiro.

OUTROS ESTADUAIS:

Flamengo 0 x 1 Vasco. O Cruzmaltino não vencia o Rubro-negro há 11 jogos e ganhou justamente aquele que o leva à final do Carioca, contra o Botafogo. Gol de Gilberto. Quem será o vice nessa decisão?

Internacional 3 x 1 Brasil de Pelotas. O Colorado confirmou o favoritismo no Beira-Rio e agora enfrenta o Grêmio na final do Gaúcho.

Cruzeiro 1 x 2 Atlético-MG. Lucas Pratto esteve em tarde espetacular no Mineirão. O Galo virou e decide o título com a Caldense, que venceu o Tombense por 2 a 0 na outra semifinal.

Coritiba 3 x 0 Londrina. O Coxa não deu nenhuma chance ao Londrina e fará a final contra o Operário, que bateu o Foz do Iguaçu por 2 a 0.

OPINE!

Compartilhe:

[COMENTE] Comentários


Que chova gols neste domingo, porque água mesmo só “Quando Setembro Vier”

David-Dante-Chororo

São Paulo x Santos no final de tarde e no domingo!

Aí sim, isso é jogo de mata-mata, disputa para valer e em dia nobre do futebol.

Emoção pura!

Nada do lixo e da porcaria dos malditos pontos morridos.

Corinthians x Palmeiras à tarde, 16 horas, e no domingo!

Aí sim, isso é jogo de mata-mata, disputa para valer e em dia nobre do futebol.

Emoção pura!

Nada do lixo e da porcaria dos malditos pontos morridos.

E o Palmeiras não é o melhor time do Brasil.

Dudu surtou.

Verdão é hoje 5,97 na bola, 9,79 no “Sócio-Torcedor” e 10,00 em estádio.

O Allianz Parque fez um bem danado para o futebol, para o Palmeiras, para a Zona Oeste e para a cidade de São Paulo.

E é o estádio, e não o time, que está alavancando o maravilhoso crescimento da torcida verde através de seu “Avanti”.

“Avanti” que é boa cópia do projeto “Onda Verde” criado pelo então diretor de marketing do Palmeiras, Carlos Alberto Mira, anos atrás.

Aposto em uma final do Campeonato Paulista entre Corinthians e São Paulo.

São Paulo que será eliminado da Libertadores, entendo.

Vagner Love encolheu no futebol porque jogar em país folclórico da bola só serve para ganhar dinheiro.

O mesmo aconteceu com Paulo André, vitimado pela dupla China e política esportiva.

Cássio é o melhor goleiro do Brasil.

Tem que ir para seleção e como titular.

E como ainda tem uns 30% de potencial de crescimento, pode virar um Neuer cabeludo.

E não é que o grande goleiro alemão foi mal quarta-feira no Porto?

Coisa rara.

Mas Dante foi pior.

Nosso beques do 7 a 1 foram “brilhantes” no meio de semana pela Liga dos Campeões da Europa.

Baiano Dante, pífio, e David Luiz foi “tão bem” nas canetas que levou de Suárez que pode ser contratado pela Bic como garoto-propaganda por perfeita adequação.

Só não entendo porque ainda ficam revezando os nomes dos “culpados” pelos 10 a 1 que levamos na testa na Copa do Mundo passada.

Ora, só tem um culpado: Felipão!

Felipão culpado em 1000% porque convocou mal, escalou mal, substituiu mal e foi arrogante contra a Alemanha.

Meu Deus, “Macaco Velho”, como não viu que a sua “seleção”, que passou com as calças na mão pelos fregueses Chile e Colômbia, não tinha bola para encarar a Alemanha?

Ouvisse Parreira, Roque Jr. e Gallo e jogasse bem fechado como fez a Argentina, apostando em uma bola de contra-ataque, poderia ter ganho.

Sabella, sábio, goleou Felipão, soberbo.

E o argentino, mesmo com um time ruim, longe da tradição argentina, quase ganhou da favorita Alemanha jogando fechado e povoando o meio-campo.

Então, parem de procurar “donos” pelos 10 a 1!

Foi obra-prima de Felipão, primeiro e único!

E o defunto dos 10 a 1 ainda não esfriou e o será só lá pelo ano de 8.071.

Bom feriadão para todos vocês, boa sorte para os seus times e não gastem uma só gota d’água à toa.

Essas chuvas de abril foram quase as últimas da temporada.

Aí, mais água para valer só “Quando Setembro Vier”.

Podem perguntar para Rock Hudson, Gina Lollobrigida, Sandra Dee e Bobby Darin, estrelas deste grande clássico do cinema.

Opine!!!

Compartilhe:

[COMENTE] Comentários